Cherry Wine

Hozier

Original Tradução Original e tradução
Cherry Wine

Her eyes and words are so icy
Oh, but she burns
Like rum on the fire
Hot and fast and angry
As she can be
I walk my days on a wire

It looks ugly, but it's clean
Oh, momma, don't fuss over me

The way she tells me I'm hers and she is mine
Open hand or closed fist would be fine
The blood is rare and sweet as cherry wine

Calls of guilty thrown at me
All while she stains
The sheets of some other
Thrown at me so powerfully
Just like she throws
With the arm of her brother

But I want it, it's a crime
That she's not around most of the time

The way she shows me I'm hers and she is mine
Open hand or closed fist would be fine
The blood is rare and sweet as cherry wine

Her fight and fury is fiery
Oh, but she looks
Like sleep to the freezing
Sweet and right and merciful
I'm all but washed
In the tide of her breathing

And it's worth it, it's divine
I have this some of the time

The way she shows me I'm hers and she is mine
Open hand or closed fist would be fine
The blood is rare and sweet as cherry wine

Vinho de Cereja

Seus olhos e palavras são tão frios
Ah, mas ela queima
Como rum sobre o fogo
Quente e rápida e raivosa
Como ela pode ser
Eu ando meus dias em um fio

Parece feio, mas está limpo
Oh, mãe, não tema por mim

O jeito que ela me diz que eu sou dela e ela é minha
Mão aberta ou punho fechado, qualquer um está bom
O sangue é raro e doce como vinho de cereja

Chamadas de culpa jogadas em mim
Tudo isso enquanto ela mancha
As cobertas de outro
Jogado em mim tão poderosamente
Assim como ela joga
Com o braço de seu irmão

Mas eu quero, é um crime
Que ela não está por perto na maioria das vezes

O jeito que ela me mostra que eu sou dela e ela é minha
Mão aberta ou punho fechado, qualquer um está bom
O sangue é raro e doce como vinho de cereja

Sua luta e fúria é impetuosa
Ah, mas ela parece
Como sono aos que estão congelando
Doce e certo e misericordioso
Eu sou quase lavado
Na maré de sua respiração

E vale a pena, é divino
Que eu posso ter isso algumas vezes

O jeito que ela me mostra que eu sou dela e ela é minha
Mão aberta ou punho fechado, qualquer um está bom
O sangue é raro e doce como vinho de cereja

Composição: Andrew Hozier-Byrne
Enviada por Gabriele e traduzida por Isaque. Legendado por Thiago e mais 2 pessoas. Revisões por 15 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog