Papaia (part. Black Alien)

Hot e Oreia

Mamãe falou, papai tá paia
Vem devagar no meu mamão papaia
Devagarzin, depois acelera
Não é assim, calma, espera
Mamãe falou, papai tá paia
Vem devagar no meu mamão papaia
Devagarzin, depois acelera
Não é assim, calma, espera

Amor, eu não sou seu e cê não é minha
Mas já fiz aquele exame, bora sem camisinha? (Não fala isso)
Use camisinha, cuidado com a polícia, nhacoma é uma delícia
Foi um trago do Colômbia (nossa)
Uma transa bem na onda (nossa)
Por isso eu tô na lombra
Esquece o que eu falei, lembra aquele meia nove?
Eu tipo lá dentro, cê tipo me engole (wow)
Gostosa, cabulosa, eu te amo
Me lembra uma rosa: Cheirosa e perigosa
Vermelha, cheia de espinho
E eu? Adolescente
Uma alma carente, cheio de espinha
Espero pra te encontrar
Haha, sexy delícia

O cabelo dela é vermelho, a bunda fica rosa depois do amor
Paleta de cor das que eu mais gosto
Por isso nem vou sair
Prefiro ficar aqui repetindo que é gostosa
Filha de Iemanjá me molha, só olha quando tem que olhar
Olho fechado mas dá pra ver que vai chegar lá, isso é bonito
Dose de chá que acalma qualquer conflito
Por isso não vou dar sopa
Eu fico igual bebê, pedindo na boca
E ela vai trazer pra eu lamber, eu sei como fazer
Bem melhor quando nem tem o que dizer, só fazer
Antes de você era só carona e tiros
Que bom te conhecer antes do coronavírus
É que hoje, nessa idade, cansei de zona
Só quero uma casona e filhos

Dançando na chuva, tempestade nunca passa
Esse baile tá uma uva, baby é doce que nem passa
Seguem fazendo amor na zona
Cê não sabe quem eu sou, vem, cavalga no meu flow, amazona
O imposto de renda é o oposto da minha renda
O seu status de linda versus o status de lenda
Querem me ver na berlinda, eu não ligo, não se ofenda
Não podem me ver agora, com a minha língua na sua fenda
O choro é soro, pro inferno com essa raça
Com a saúde, com a saudade, na fumaça do marlboro
Esse moleque pé de cana, que quebra o pé da cama
Esquece o café na cama e zero fé na fama
Fé nas crianças, minha infância de bruxo
Confiança é o luxo, seu quadril, pra cima, eu puxo
Um beijo, um cheiro, empina de bruços
Lá fora só neurose, desespero, choros de soluços
O ciclope tira a lupa, o brilho é intenso
Ela mexe, vai além, no loop é tenso
Se diverte enquanto chupa, sabor pistache
Mesmo sabor que fica aqui no meu mustache

Mamãe falou, papai tá paia
Vem devagar no meu mamão papaia
Devagarzin, depois acelera
Não é assim, calma, espera
Mamãe falou, papai tá paia
Vem devagar no meu mamão papaia
Devagarzin, depois acelera
Não é assim, calma, espera

Enviada por Guuh. Legendado por Marcos. Revisão por Marcos.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog