Highlands (Song Of Ascent)

Hillsong United

Original Tradução Original e tradução
Highlands (Song Of Ascent)

O how high would I climb mountains
If the mountains were where You hide
O how far I'd scale the valleys
If You graced the other side

O how long have I chased rivers
From lowly seas to where they rise
Against the rush of grace descending
From the source of its supply

Cause in the Highlands and the heartache
You’re neither more or less inclined
I would search and stop at nothing
You're just not that hard to find

I will praise You on the mountain
And I will praise You when the mountain's in my way
You’re the summit where my feet are
So I will praise You in the valleys all the same
No less God within the shadows
No less faithful when the night leads me astray
'Cause You're the heaven where my heart is
In the Highlands and the heartache all the same

O how far beneath Your glory
Does Your kindness extend the path
From where Your feet rest on the sunrise
To where You sweep the sinner's past

O how fast would You come running
If just to shadow me through the night
Trace my steps through all my failure
And walk me out the other side

For who could dare ascend that mountain
That valleyed hill called Calvary
But for the One I call Good Shepherd
Who like a lamb was slain for me

I will praise You on the mountain
And I will praise You when the mountain's in my way
You're the summit where my feet are
So I will praise You in the valleys all the same
No less God within the shadows
No less faithful when the night leads me astray
You're the heaven where my heart is
In the Highlands and the heartache all the same

Whatever I walk through
Wherever I am
Your Name can move mountains
Wherever I stand

And if ever I walk through
The valley of death
I'll sing through the shadows
My song of ascent

Whatever I walk through
Wherever I am
Your Name can move mountains
Wherever I stand

And if ever I walk through
The valley of death
I'll sing through the shadows
My song of ascent
My song of ascent

From the gravest of all valleys
Come the pastures we call grace
A mighty river flowing upwards
From a deep but empty grave

So I will praise You on the mountain
And I will praise You when the mountain’s in my way
You’re the summit where my feet are
So I will praise You in the valleys all the same
No less God within the shadows
No less faithful when the night leads me astray
You're the heaven where my heart is
In the Highlands and the heartache all the same

Terras Altas (Canção de Ascensão)

Oh, o quão alto eu escalaria as montanhas
Se as montanhas fossem onde Tu te escondes
Oh, o quão longe eu escalaria os vales
Se Você agraciasse o outro lado

Há quanto tempo eu tenho perseguido rios
Desde os mares modestos até onde eles surgem
Contra a correnteza da graça descendente
Da fonte da sua provisão

Porque nas terras altas e nas mágoas
Você não é nem mais nem menos tendencioso
Eu procuraria e não pararia por nada
Você não é tão difícil de encontrar

Eu te louvarei na montanha
E eu te louvarei quando a montanha estiver no meu caminho
Você é o cume no qual meus pés estão
Então eu te louvarei nos vales da mesma forma
Deus não está menos presente dentro das sombras
Não menos fiel quando a noite me leva para o caminho errado
Você é o paraíso onde meu coração está
Nas terras altas e no sofrimento, da mesma forma

Oh, até onde, sob Sua glória
Sua bondade se estende ao caminho?
Desde onde Seus pés descansam ao nascer do Sol
Até onde Você varre o passado do pecador?

Oh, o quão rápido Você viria correndo
Se apenas para me proteger a noite
Rastreia meus passos através de todo meu fracasso
E me leva para o outro lado

Pois quem poderia ousar subir aquela montanha
Aquela colina verde chamada Calvário
Além do Único que eu chamo de Bom Pastor
Que, como um cordeiro, foi morto em meu lugar

Eu te louvarei na montanha
E eu te louvarei quando a montanha estiver no meu caminho
Você é o cume no qual meus pés estão
Então eu te louvarei nos vales da mesma forma
Deus não está menos presente dentro das sombras
Não menos fiel quando a noite me leva para o caminho errado
Você é o paraíso onde meu coração está
Nos terras altas e na mágoa, da mesma forma

Seja o que for que eu enfrente
Onde quer que eu esteja
Seu nome pode mover montanhas
Onde quer que eu esteja

E se alguma vez eu atravessar
O vale da morte
Eu vou cantar pelas sombras
Minha canção de ascensão

Seja o que for que eu enfrente
Onde quer que eu esteja
Seu nome pode mover montanhas
Onde quer que eu esteja

E se alguma vez eu atravessar
O vale da morte
Eu vou cantar pelas sombras
Minha canção de ascensão
Minha canção de ascensão

Do mais sombrio de todos os vales
Vem as pastagens que chamamos de graça
Um rio poderoso que flui para cima
De um túmulo profundo, mas vazio

Então eu te louvarei na montanha
E eu te louvarei quando a montanha estiver no meu caminho
Você é o cume no qual meus pés estão
Então eu te louvarei nos vales da mesma forma
Deus não está menos presente dentro das sombras
Não menos fiel quando a noite me leva para o caminho errado
Você é o paraíso onde meu coração está
Nas terras altas e no sofrimento, da mesma forma

Composição: Benjamin Hastings / Joel Houston
Enviada por Lucas e traduzida por Letícia. Legendado por Victória e VIDA. Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog