Roses/Lotus/Violet/Iris (feat. boygenius)

Hayley Williams

Original Tradução Original e tradução
Roses/Lotus/Violet/Iris (feat. boygenius)

I have seen your body
And I have seen your beauty
They are separate things
Pretty, pretty, pretty things
But I am in a garden
Tending to my own
So what do I care
And what do you care if I grow?
If I grow

Roses, roses, roses, roses, roses
(Roses, roses, roses, roses, roses)
Show no concern for colors of a violet
Lotus, lotus, lotus, lotus, lotus
(Lotus, lotus, lotus, lotus, lotus)
Hopes it won't spark
Envy in your irises

Think of all the wilted women
Who crane their necks to reach a window
Ripping all their petals off just 'cause
"He loves me now, he loves me not"
I myself was a wilted woman
Drowsy in a dark room
Forgot my roots
Now watch me bloom

Roses, roses, roses, roses, roses
(Roses, roses, roses, roses, roses)
Show no concern for colors of a violet
Lotus, lotus, lotus, lotus, lotus
(Lotus, lotus, lotus, lotus, lotus)
Hopes it won't spark
Envy in your irises
(Irises)

And I will not compare
Other beauty to mine
And I will not become
A thorn in my own side
And I will not return
To where I once was
Well, I can break through the earth
Come out soft and wild

Roses, roses, roses, roses, roses
(Roses, roses, roses, roses, roses)
Show no concern for colors of a violet
Lotus, lotus, lotus, lotus, lotus
(Lotus, lotus, lotus, lotus, lotus)
Hopes it won't spark
Envy in your irises

(Roses, roses, roses, roses)
(Roses, roses, roses, roses)
(Roses, roses, roses, roses)
(Roses, roses, roses, roses)

Rosas / Lótus / Violeta / Íris (part. Boygenius)

Eu já vi seu corpo
E eu já vi sua beleza
São coisas separadas
Coisas bonitas, bonitas, bonitas
Mas eu estou em um jardim
Cuidando de mim mesma
Então, com o que eu me importo
E o que você se importa se eu crescer?
Se eu crescer

Rosas, rosas, rosas, rosas, rosas
(Rosas, rosas, rosas, rosas, rosas)
Não demonstram preocupação com as cores de uma violeta
Lótus, lótus, lótus, lótus, lótus
(Lótus, lótus, lótus, lótus, lótus)
Espera que não acenda
A inveja em suas íris

Pense em todas as mulheres murchas
Quem esticam o pescoço para alcançar uma janela
Rasgando todas as suas pétalas só porque
"Bem me quer, mal me quer"
Eu mesma era uma mulher murcha
Sonolenta em um quarto escuro
Esqueci minhas raízes
Agora me veja florescer

Rosas, rosas, rosas, rosas, rosas
(Rosas, rosas, rosas, rosas, rosas)
Não demonstram preocupação com as cores de uma violeta
Lótus, lótus, lótus, lótus, lótus
(Lótus, lótus, lótus, lótus, lótus)
Espera que não acenda
A inveja em suas íris
(Íris)

E eu não vou comparar
Outra beleza com a minha
E eu não vou me tornar
Um espinho no meu próprio ser
E não me voltarei
Para onde eu estive uma vez
Bem, eu posso romper a terra
Sai macio e selvagem

Rosas, rosas, rosas, rosas, rosas
(Rosas, rosas, rosas, rosas, rosas)
Não demonstram preocupação com as cores de uma violeta
Lótus, lótus, lótus, lótus, lótus
(Lótus, lótus, lótus, lótus, lótus)
Espera que não acenda
A inveja em suas íris

(Rosas, rosas, rosas, rosas)
(Rosas, rosas, rosas, rosas)
(Rosas, rosas, rosas, rosas)
(Rosas, rosas, rosas, rosas)

Composição: Hayley Nichole Williams
Enviada por Bardigang e traduzida por Lorena. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Hayley Williams

Ver todas as músicas de Hayley Williams