Nobody's Crying

Patty Griffin

Original Tradução Original e tradução
Nobody's Crying

Well he jumps in the taxi, headed for the sky
He's off to slay some demon dragonfly
And he looked at me, that long last time
Turned away again and I waved goodbye
In an envelope, inside his coat
Is a chain I wore, around my throat
Along with, a note I wrote
Said "I love you but, I don't even know why"

But darling, I wish you well
On your way to the wishing well
Swinging off of those gates of hell
But I can tell how hard you're trying
Just have that secret hope
sometimes all we do is cope
Somewhere on the steepest slope
There'll be an endless rope
and nobody crying.

Well a long night turns into a couple long years
Of me walkin' around, around this trail of tears
Where the very loud voices of my own fears
Is ringin' and ringin' in my ears
It says that love is long gone
Every move I make is all wrong
Says you never gave a damn for me
For anything, for anyone

But darling, I wish you well
On your way to the wishing well
Swinging off of those gates of hell
But I can tell how hard you're trying,
Just have that secret hope
Sometimes all we do is cope
Somewhere on the steepest slope there'll be an endless rope
And nobody crying.

May you dream you are dreaming, in a warm soft bed
And may the voices inside you that fill you with dread
Make the sound of thousands of angels instead
Tonight where you might be laying your head

But darling, I wish you well
On your way to the wishing well
Swinging off of those gates of hell
But I can tell how hard you're trying
Just have that secret hope
Sometimes all we do is cope
Somewhere on the steepest slope there'll be an endless rope
And nobody crying.
And nobody crying,
Nobody crying

Ninguém Está Chorando

Bem, ele pula no táxi, indo para o céu
Ele está indo matar alguma libélula demônio
E ele olhou para mim, aquele último longo momento
Virou-se novamente e eu acenei adeus
Em um envolepe, dentro de seu casaco
Está um colar que eu usava, em meu pescoço
Junto com um bilhete que eu escrevi
Escrito "Eu te amo, mas eu nem sei por que"

Mas querido, eu te desejo tudo de bom
Em seu caminho para o poço dos desejos
Balançando para fora por aqueles portões do inferno
Mas eu posso dizer o quanto você está se esforçando
Apenas continue com aquela esperança secreta
Às vezes, tudo o que fazemos é lidar
Em algum lugar na inclinação mais acentuada
Haverá um laço sem fim
E ninguém está chorando.

Bem, uma longa noite se transforma em alguns longos anos
De mim andando por aí, em torno destes rastros de lágrimas
Onde as vozes altas de meus próprios medos
Estão zunindo e zunindo em meus ouvidos
Dizem que o amor está muito longe
Que cada movimento que eu faço está errado
Dizem que você nunca deu a mínima por mim
Por nada, por ninguém

Mas querido, eu te desejo tudo de bom
Em seu caminho para o poço dos desejos
Balançando para fora por aqueles portões do inferno
Mas eu posso dizer o quanto você está se esforçando
Apenas continue com aquela esperança secreta
Às vezes, tudo o que fazemos é lidar
Em algum lugar na inclinação mais acentuada haverá um laço sem fim
E ninguém está chorando.

Que você possa sonhar que está sonhando, em uma cama macia e quente
E que as vozes dentro de você que te enchem de pavor
Façam o som de milhares de anjos em vez disso
À noite, onde você deverá estar deitando sua cabeça

Mas querido, eu te desejo tudo de bom
Em seu caminho para o poço dos desejos
Balançando para fora por aqueles portões do inferno
Mas eu posso dizer o quanto você está se esforçando
Apenas continue com aquela esperança secreta
Às vezes, tudo o que fazemos é lidar
Em algum lugar na inclinação mais acentuada haverá um laço sem fim
E ninguém está chorando
E ninguém está chorando
Ninguém está chorando.

Composição: Patty Griffin
Enviada por Fernando e traduzida por Denise. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Patty Griffin

Ver todas as músicas de Patty Griffin