Livre Arbítrio

Gislaine e Mylena

Tente entender
Que não se abre o céu
Por força de tuas mãos
Que não se alcança com moedas o perdão
A chave do milagre é um sincero coração

Tente entender
Que Deus está num simples repartir do pão
Quando se abraça a causa de um pequeno irmão
Sua conquista é medida pelo coração

Nessa estrada você não caminha só
Deus é contigo em cada curva que passar
Ele é a sua rede quando a alma quer descanso
É nascente pra te saciar
Procure hoje entregar o seu melhor
Quem te olhava triste hoje então verá
Lapidado em sua face a glória do Deus vivo
Você nasceu foi pra vencer

Como um jardim fechado
A pureza do olhar
Como joia preciosa sem valor pra se comprar
É assim que Deus te vê
Mesmo em meio a bilhões
Você é inconfundível para Ele

Para honrar a tua fé muda os montes de lugar
Pra poder te abençoar Ele faz o Sol parar
Você tem que entender
Que a sua história quem escolhe é você

Nessa estrada você não caminha só
Deus é contigo em cada curva que passar
Ele é a sua rede quando a alma quer descanso
É nascente pra te saciar
Procure hoje entregar o seu melhor
Quem te olhava triste hoje então verá
Lapidado em sua face a glória do Deus vivo
Você nasceu foi pra vencer

Como um jardim fechado
A pureza do olhar
Como joia preciosa sem valor pra se comprar
É assim que Deus te vê
Mesmo em meio a bilhões
Você é inconfundível para Ele
Para honrar a tua fé muda os montes de lugar
Pra poder te abençoar Ele faz o Sol parar
Você tem que entender
Que a sua história quem escolhe é você

Como um jardim fechado
A pureza do olhar
Como joia preciosa sem valor pra se comprar
É assim que Deus te vê
Mesmo em meio a bilhões
Você é inconfundível para Ele

Para honrar a tua fé muda os montes de lugar
Pra poder te abençoar Ele faz o Sol parar
Você tem que entender
Que a sua história quem escolhe é você

Composição: Anderson Freire / Josias Teixeira / Junior Maciel
Enviada por Nildo. Revisão por Ana.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Gislaine e Mylena

Ver todas as músicas de Gislaine e Mylena