LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Ey, You! (part. Mala Fama)

Fito Paez

Tradução automática via Google Translate

Ey, You! (part. Mala Fama)

Dale Mala-Famero
Levantame la peña, eh
Agitando el avispero
Mandale mecha
Anote, anote
Vofi, vofi
Arr, arr, japish, japish

Ey, you, monstruo yuta
¿Cuándo me vas a dejar de pegar?
Ey, vos, vaffanculo
Te quiero fuero de mi vida ya (ey, ey, ey)
Ey, vos, Bestia Equilatera
No voy a terminar en una tumba
Ey, vos, cría cuervos (oh)
Te quiero fuera para siempre de mi ruta (fuera para siempre)
Ey, vos, sapo de otro pozo
Dejá de presionarme la casa (dejá de presionar)
Ey, vos, hijo de un racimo de nazis (yeah, yeah, yeah, yeah)
Vas a terminar en una jaula

Freak out, freak out, freak out, freak out, freak out
Freak out, freak out, freak out, freak out (freak out, freak out)

Che, vos, pavín de cuartirolo
Que cuando te rechazan querés pegar
Che, vos, almamula
No te quiero volver a cruzar ni por casualidad
Andate, correte, salí
Alejáte de ese gil
Que en un noventa por ciento
Siempre te hizo sufrir
Rata, rata, me hiciste confundir
No existe el hijo de puta
Sos un hijo de gil

Fucking bastard
Sabés que hay estrellas en el cielo
Ey, you, little penis
Vos nunca me podrías dar miedo
Vas a terminar en una zanja, vos
Re gato muy, muy mal
Ey, vos, cavernícola
¿No sentís qué caliente está la calle?
Ey, you, vaffanculo
De este laberinto no se sale
Vas a terminar en una zanja, vos
Re gato muy, muy mal

Hey, you!
Andá, Fito Fitero
(Hey, hey, hey)
Hey, vos!
Rata, ratita, ¿rata? No, ¡ratón!
(Hey, hey, hey)
Hey, vos!
Cuando te conocí, me deprimí
Y al toque me avivé
De que eras un re logi, atrevido
Almamula, toca rejas, roba pijas
Y encima (ey, you!)
Ropa prestada
Andá a tu casa que te espero
Pa pasarte bien la fierro
Vos te juntas mucho con la gorra
Y hablando de la hora

Ey, você! (parte. Mala Fama)

Dê má-fama
Me pegue, hein
Agitando o ninho de vespas
Mandale mecha
Anote Anote
Vofi, vofi
Arr, arr, japonês, japonês

Ei, você monstro yuta
Quando você vai parar de me bater?
Hey you vaffanculo
Quero você fora da minha vida agora (ei, ei, ei)
Ei você, Besta Equilateral
Eu não vou acabar em um túmulo
Ei, você cria corvos (oh)
Eu quero você fora do meu caminho para sempre (fora para sempre)
Ei, você, sapo de outro poço
Pare de me empurrar pela casa (pare de me empurrar)
Ei, você, filho de um monte de nazistas (sim, sim, sim, sim)
Você vai acabar em uma gaiola

Surtar, surtar, surtar, surtar, surtar, surtar
Surtar, surtar, surtar, surtar (surtar, surtar)

Che, vos, pavin de cuartirolo
Que quando eles te rejeitam você quer bater
Che, você, almamula
Eu não quero atravessar você de novo ou por acaso
Vá, corra, eu saí
Afaste-se desse gil
Que noventa por cento
Sempre fez você sofrer
Rato, rato, você me fez confundir
Não há filho da puta
Você é filho de Gil

Maldito bastardo
Você sabe que existem estrelas no céu
Ei, seu pequeno pênis
Você nunca poderia me assustar
Você vai acabar em uma vala, você
Re gato muito, muito ruim
Ei, homem das cavernas
Você não consegue sentir o quão quente é a rua?
Hey you vaffanculo
Você não sai deste labirinto
Você vai acabar em uma vala, você
Re gato muito, muito ruim

Ei você!
Andá, Fito Fitero
(Ei, ei, ei)
Ei você!
Rato, rato, rato? Não, rato!
(Ei, ei, ei)
Ei você!
Quando te conheci fiquei deprimido
E no toque eu fui revivido
Que você era um log, ousado
Almamula, bares, roubar galos
E no topo (ei, você!)
Roupas emprestadas
Vá para sua casa, eu vou esperar por você
Para se divertir o ferro
Você se reúne muito com a tampa
E falando do tempo

Posts relacionados

Ver mais no Blog