Paz no Vale

Feliciano Amaral

Estou cansado e sem forças, porém tenho que avançar
Até que Deus me chame a seu Lar
E ali tudo brilha, e o cordeiro é a luz
Onde as noites são claras, são claras sem par!

Sei que algum dia, no vale, só haverá a paz
Só haverá paz no vale, para mim, eu sei

Não haverá tristeza, nem perdas, nem lutas ali
Só haverá paz no vale, para mim, eu sei

Lá o urso é manso e o lobo também
O cordeiro e o leão se dão bem
Crianças conduzem as feras com amor
E a terra se encherá, oh, sim, desta paz

Sei que algum dia, no vale, só haverá a paz
Só haverá paz no vale, para mim, eu sei

Não haverá tristeza, nem perdas, nem lutas ali
Só haverá paz no vale, para mim, eu sei

Composição: Darcy Gonçalves / Thomas Dorsey
Enviada por Fábio. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog