Cavaleiro da Noite

Fagner

E boi, e boi
E boi, e boi
E boi, e boi, e boi, e boi
E boi, e boi

O cavaleiro que corre no meio da noite
No meio da chuva, Corisco e trovão
No brilho de um raio
Num cavalo baio, na escuridão

Voando, aboiando num cavalo alado
Levando seu gado pra o reino encantado
Já velho cansado, marcado, ferrado
No seu coração

E boi, e boi

Mugindo seu gado no pé do mourão
Num grito de sorte
Um agouro de morte
Explode a boiada do seu coração

A porteira se abriu
E o cavaleiro partiu
E na boca da noite
Uma estrela surgiu

Composição: Alcymar Monteiro / João Paulo Jr
Enviada por Vanderley. Revisões por 4 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog