Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

Armourland

The street is a boneyard, she glances
Numbers are drained at the end, end
Cradling heat waves and armour
Learned about it slowly
And how ready are you to know this
How do we live in the end, end

I bet you the price of the landline
You won’t be here at the end, end
You won’t be slumped in a doorway
You’ll be standing above it
How can you call this a free world
I wouldn’t call out at the end, end

No more doubt about it

I wanna take you home
Take off your blindfold
And show you what i am
I wanna take you home
And find some new joy
In this autopilot life
I wanna take you home
Slow down your heartbeat
And dry those glazing eyes
I wanna take you home
Black out our windows
And hold you till we die

What if the first step was leaving
And stepping outside in the cold, end
Facing the smoke and you’re lurching
Down the alleys, kiss me
And how many lives lived in fear now
And who do we call in the end, end

There was a pattern of errors
There was a life here to mend, mend
I wasn’t watching the cold past
Put on my body slowly
And there goes a [?] of free man
Rattling round in the end, end

No more doubt about it

I wanna take you home
Take off your blindfold
And show you what i am
I wanna take you home
And find some new joy and
In this autopilot life
I wanna take you home
Slow down your heartbeat
And dry those glazing eyes
I wanna take you home
Black out our windows
And hold you till we die

Ohhhh, i’m sorry...

Armourland

A rua é um cemitério, ela olha
Os números são drenado no fim final,
Embalando as ondas de calor e armaduras
Aprendi sobre ele lentamente
E como você está pronto para conhecer este
Como vivemos no fim, acabar

Aposto que o preço do telefone fixo
Você não vai estar aqui no final, acabam
Você não vai se afundou em uma entrada
Você estará de pé acima dele
Como você pode chamar este mundo livre
Eu não diria que no fim, o fim

Não há mais dúvida sobre isso

Eu quero te levar para casa
Tire sua venda
E mostrar o que eu sou
Eu quero te levar para casa
E encontrar alguma nova alegria
Nesta vida de piloto automático
Eu quero te levar para casa
Abrandar o seu ritmo cardíaco
E secar os olhos de vidros
Eu quero te levar para casa
Preto as nossas janelas
E prendê-lo até morrer

E se o primeiro passo foi sair
E pisar fora no final, frio
Enfrentando a fumaça e você está balançando
-Se pelas vielas, me beije
E quantas vidas vivia com medo agora
E quem é que chamamos, no final, acabar

Havia um padrão de erros
Havia uma vida aqui para consertar, remendar
Eu não estava vendo o passado frio
Colocar no meu corpo lentamente
E lá se vai um [?] De homem livre
Rodada chocalho no final, final

Não há mais dúvida sobre isso

Eu quero te levar para casa
Tire sua venda
E mostrar o que eu sou
Eu quero te levar para casa
E encontrar alguma alegria nova e
Nesta vida de piloto automático
Eu quero te levar para casa
Abrandar o seu ritmo cardíaco
E secar os olhos de vidros
Eu quero te levar para casa
Preto as nossas janelas
E prendê-lo até morrer

Ohhhh, me desculpe ...


Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Everything Everything

Ver todas as músicas de Everything Everything