Original Tradução Original e tradução
AMA

Considera l’ipotesi di non sentirti schiavo di nessuno mai
Decidere della tua vita in piena autonomia, casomai
Senza preoccuparsi dei giudizi, della gente, dell’ipocrisia
Dei commenti ad alta voce, dell’invidia che non si lava più via
Inizia qui, ora, a girare un nuovo film
Tu il protagonista
Perché poi sentirsi meglio non è mai uno sbaglio

Ama come senti, in ogni forma libera
Perché anche tu lo sai, lo capirai
Che i sentimenti non puoi tenerli in gabbia
Ama in ogni forma, che l’amore libera
Perché anche tu, così, rinascerai
Tutte lе volte in camera e di nuovo

Non dubitarе mai del tuo istinto, della sua infallibilità
Scegli il tuo alfabeto e la lingua, quella pura dell’anima (dell'anima)
Riscrivi qui, riscrivi qui
Il tuo codice, così
Perché la vita è troppo corta per non viverla di corsa

Ama come senti, in ogni forma libera
Perché anche tu lo sai, lo capirai
Che i sentimenti non puoi tenerli in gabbia
Ama in ogni forma, che l’amore libera
Perché anche tu, così, rinascerai
Tutte le volte in camera e di nuovo

Ama in ogni forma, che l’amore libera
Perché anche tu, così, rinascerai
Tutte le volte in camera e di nuovo

Ama

Considera a hipótese de nunca te sentires escravo de ninguém
De decidires a tua vida em plena autonomia
Sem te preocupares com os juízos das pessoas, com a hipocrisia
Com os comentários feitos de voz alta, com a inveja que nunca desaparece
Começa já a fazer um novo filme
Tu serás o protagonista
Porque estar bem nunca será um erro

Ama como quiseres, de cada jeito livre
Pois tu também sabes, percebê-lo-às
Que não podes fechar os teus sentimentos numa jaula
Ama de todos os jeitos, pois o amor liberta
Porque assim tu vais renascer
Todas às vezes no quarto e de novo

Nunca duvides do teu impulso, do seu ser infalível
Escolhe o teu alfabeto e a língua a mais pura da alma (da alma)
Escreve cá, escreve cá
O teu código, desse jeito
Porque a vida é curta demais para ela ser vivida de pressa

Ama como quiseres, de cada jeito livre
Pois tu sabes, percebê-lo-às
Que não podes fechar os teus sentimentos numa jaula
Ama de cada jeito, pois o amor liberta
Porque assim tu vais renascer
Todas às vezes no quarto e de novo

Ama de cada jeito, pois o amor liberta
Porque assim tu vais renascer
Todas às vezes no quarto e de novo

Enviada por Danilo e traduzida por Giuseppe.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog