Terceiro Encontro

Eliane Camargo

Você bem sabe
O quanto estou feliz
Em te encontrar aqui
Junto da rapaziada
Que eu sempre vivi
Minha vida estava triste
Sem você, ô, com estava

Sem motivo pra canção
Não morri, mas seu violão
Fiquei de mal da madrugada
Nunca mais eu vi a lua
Clarear a batucada
Nem fui mais ao pagode
Para ser admirada

Poxa, por que você não pára
Pra pensar um pouco?
Não vê que eu sou motivo
De um poeta louco
Você quer meu amor
Pra me fazer canção

Poxa, por que você não pára
Pra pensar um pouco?
Não vê que eu sou motivo
De um poeta louco
Você quer meu amor
Pra me fazer canção

Venha, amor (venha, amor)
Eu quero outra vez ser a tua mulher
O amor é lindo quando a gente quer
Estou disposta a fazer tudo
Que você quiser, meu amor, eu estou

Venha, amor (venha, amor)
Estou presente na sua canção
E sempre fui o porte da sua paixão
Por isso, te quero bem perto
Do meu coração

Composição: Gilson de Souza
Enviada por Anderson.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog