Razão de Paz

Elba Ramalho

Clareou razão de paz
Talvez porque seja bom
Laço que a serpente deu
Homem mais nenhum desfaz

Quem bateu decerto, errou
Quem levou de graça, viu
A bandeira do perdão
Labareda consumiu

De que serve ser doutor
E voltar palavra atrás?
Ou dizer que vai fazer
Sem mostrar que é capaz?

Clareou razão de ser
Palavra de bom rapaz
Laço que a serpente deu
Homem mais nenhum desfaz

Encontrar razão de ser
Talvez porque tudo bem
Ou senão talvez porque
Só se vive uma vez

Cobra d’água, beija-flor
Estrela ou vegetal
Seja homem ou o que for
Ninguém vai ficar pra trás

Clareou razão de ser
Palavra de bom rapaz
Laço que a serpente deu
Homem mais nenhum desfaz

De que serve ser doutor
E voltar palavra atrás?
Ou dizer que vai fazer
Sem mostrar que é capaz?

Quem bateu decerto, errou
Quem levou de graça, viu
A bandeira do perdão
Labareda consumiu

De que serve ser doutor
E voltar palavra atrás?
Ou dizer que vai fazer
Sem mostrar que é capaz?

Encontrar razão de ser
Talvez porque tudo bem

Composição: Márcio Borges / Novelli
Enviada por Luzivan.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog