O Crente Celular

Edinaldo do Rio

O cantor está cantando, o pregador está pregando,
A igreja glorificando, e ele não diz um "amém"
Ele está dentro do templo, porém o seu pensamento se encontra muito além
O logo está queimando, Jesus está batizando,
A igreja se molhando, é muita chuva de graça
E ele continua conversando, parece até que está
sentado num banco de praça

Jesus quer falar com ele, mas ele não dá lugar
Nem se quer deixa recado com a sua secretária
E o crente celular quando não está desligado
Se encontra fora de área (Refrão)

Como quem vai ao cinema, ele vai para a igreja
Seu coração não deseja ser crente pentecostal
Quando ele lê a bíblia diz que não entende nada
Sua vista está cansada como quem lê um jornal
Chega no culto atrasado e fica zangado
Quando o pregador passa um pouquinho da hora
Ele está dentro da congregação, mas o seu coração ficou do lado de fora

Jesus quer falar com ele, mas ele não dá lugar
Nem se quer deixa recado com a sua secretária
E o crente celular quando não está desligado
Se encontra fora de área (Refrão)

Na hora do louvor, na hora da pregação, no dia do jejum, no dia da oração
Ele não liga pra ninguém, se alguém liga pra ele,
Ele está fora de área, não tem comunicação
Acabou a bateria, acabou a energia
Não sente mais alegria, nem sequer acende a luz
O crente que não gosta de orar, com certeza, está desligado de Jesus

Jesus quer falar com ele, mas ele não dá lugar
Nem se quer deixa recado com a sua secretária
E o crente celular quando não está desligado
Se encontra fora de área

Composição: Edynaldo Do Rio
Enviada por Shirlei.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Edinaldo do Rio

Ver todas as músicas de Edinaldo do Rio