Medusa

Dominó

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Devagar com andor
Você usa e abusa

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Esse mar essa onda
Esse olhar de Medusa

Você faz amor, faz endurecer (endurecer)
Até um olhar que quer te ver (que quer te ver)
Você sabe bem como eu fiquei (como eu fiquei)
Virei um pedra, quase pirei (quase pirei)

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Devagar com andor
Você usa e abusa

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Esse mar essa onda
Esse olhar de Medusa

Quis pagar pra ver, quis me incendiar (me incendiar)
Mas nem deu pra ver, nem pra acreditar (pra acreditar)
Quis achar meu bem, o seu coração (seu coração)
E virei ninguém, tô na sua mão (tô na sua mão)

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Devagar, olha o coração

Tudo que é demais
Acaba sempre machucando assim
Você me transformou em pedra
Dá um descanso, pensa em mim
Faz bem mais de leve

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Devagar com andor
Você usa e abusa

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Esse mar essa onda
Esse olhar de Medusa

Você faz amor, faz endurecer (endurecer)
Até um olhar que quer te ver (que quer te ver)
Você sabe bem como eu fiquei (como eu fiquei)
Eu virei um pedra, quase pirei (quase pirei)

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Você usa e abusa

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Esse mar essa onda
Esse olhar de Medusa

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Devagar com andor
Você usa e abusa

Meu bem de leve, leve
Meu bem de leve, leve
Esse mar essa onda
Esse olhar de Medusa

Composição: Edgard Poças / Roger Cook / Roger Greenaway
Enviada por Átila. Revisões por 5 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog