No Ponteio da Viola

Diego E Romualdo

Grande Deus pai das alturas peço a sua inspiração
Para através desse hino mostrar nossa tradição.
Do dueto afinado, dos versos, rimas e trovas
Quando vinha o amanhecer todo mundo vinha ver
O ponteio da viola

Me lembro e sinto saudade, da igrejinha de sapé
Quando um cantador cantava, Deus derramava poder
Prosseguimos ate hoje nesta mesma trajetória
Nós canta e Deus manda unção
So na voz e violão e no ponteio da viola

Relembramos com saudade das noites enluaradas
Os irmãos se reuniam então agente cantava
Quando a solidão aperta e a saudade nos assola
Nós afoga a solidão nas cordas do violão
E no ponteio da viola

Assim nos fomos criados ouvindo os mais belos hinos
De otoniel e oziel curió e canarinho
Desde criança aprendemos, e guardamos na memória,
Honrar nossa tradição tocando o meu violão
E ponteando a viola

Assim nos vamos seguindo sobre a proteção divina
Compondo moda de viola e cantando belos hinos
Enquanto estamos louvando Deus nos conforta e consola
E nos da inspiração pra compor belas canções
No ponteio da viola

Por onde temos passado vimos Jesus operar
Enfermos sendo curados, ate paralítico andar
Os cativos e oprimidos, nos canta e Deus da vitoria
Deus opera maravilhas,liberta, salva e batiza
Ao som da nossa viola

Enquanto Deus nos der vida nesse país varonil
Saúde, força e coragem, também um peito sadio
Prometemos que ouvirão por esse brasil a fora
O dueto afinado de diego e romualdo
E o ponteio da viola

Composição: R. Neto
Enviada por Diego.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog