Conversão do Valentão

Diego E Romualdo

Quero contar uma historia que a tempo se sucedeu
Um homem muito valente não acreditava em Deus
Com ódio no coração prendia o povo de Deus
Torturando inocentes maltratando aquela gente
Mas veja o que aconteceu

A lei daquela cidade lhe dava toda razão
E quem desobedecesse era levado a prisão
Pensando ser poderoso da cidade o valentão
Não imaginava ele que logo ali na frente teria grande lição

Montado no seu cavalo pra mais uma execução
O sol brilhava tão forte suor caia no chão
Foi quando uma luz mais forte cercada de resplendor
E dentro da luz saia uma vóz que lhe dizia com essa interrogação
Saulo, saulo porque me persegues?

Quem és tú senhor?
Eu sou Jesus à quem persegues!

E o homem que era valente de seu cavalo caiu
Seus olhos escureceram seu mundo ficou sombrio
Seus olhos não viam nada agora cego
Ficou humilhado de castigo teve que ser conduzido
Tres dias assim ficou
Tres dias sem comer nada em damasco ele ficou

Conforme o tempo passava sofria seu coração
O homem que era valente ganhou a grande lição
Que com Deus jamais se brinca
Seu plano virou em cinza seu mundo na escuridão
Deus falou com anananias atravéz de uma visão
Mostrando o nome da rua entregou-lhe a missão

Vai até a casa de judas falar com saulo de tarso
Não tema sua valentia pois a partir deste dia
Ele será um grande vaso
O povo não entendia o que é que aconteceu
O valente da cidade agora se converteu
Agora o perseguidor passou a ser perseguido
Colocando a sua fé em Jesus de nazaré por Deus ele foi ungido

Um dos maiores apostolos que a biblia já resgistrou
Foi perseguidor da igreja mas a Deus se entregou
Pra Deus não existe nada que ele não possa fazer
Clamando em oração o mais cruel coração a Deus irá se render
Não tema se algum valente esta igreja perseguir
Deus permite que levante pra depois fazer cair
Derruba ele do cavalo beijando a lona no chão
Faz ele aceitar Jesus pois quem encontra essa luz
Recebe a transformação


Posts relacionados

Ver mais no Blog