Rata

Deejay Telio

Eu lhe trato bem, eu lhe trato bem
Ela não tem motivos p'ra reclamar
Trato como ninguém, como ninguém
Ela não tem motivos p'ra reclamar

Só porque eu quis ir com calma, eu quis ir com calma
Mas não é isso que 'tás a falar
Ela diz que eu sou menos homem, eu sou menos homem
O romantismo vai acabar

Não sou homem então por quê
Também não 'tou a perceber
Será que eu não sou homem
Ou não sabes ser tratada como mulher
Queres para eu ser mais um a te levar, não!
Então me disparata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata

Oh, então mana me mata
Oh, então mana me mata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata
Oh, então mana me mata
Oh, então mana me mata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata

Tua rata, tua rata, tua rata, tua rata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata
Tua rata, tua rata, tua rata, tua rata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata

Não sou homem então por quê
Também não 'tou a perceber
Será que eu não sou homem
Ou não sabes ser tratada como mulher
Queres para eu ser mais um a te levar, não!
Então me disparata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata

Oh, então mana me mata
Oh, então mana me mata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata
Oh, então mana me mata
Oh, então mana me mata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata

Tua rata, tua rata, tua rata, tua rata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata
Tua rata, tua rata, tua rata, tua rata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata

Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata

Oh, então mana me mata
Oh, então mana me mata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata
Oh, então mana me mata
Oh, então mana me mata
Posso até ser rato do esgoto
Mas não alinho na tua rata


Posts relacionados

Ver mais no Blog