Com Licença (part. Bispo)

Deejay Telio

Toma nota
Brindemos à nossa, à nossa maneira, união, lealdade
Fecha a porta
Só são permitidos reais, não pelos reais, entendes?
Mas não importa
O que importa é que a gente tá aí com saúde
Cair, levantar, aceitar a virtude
Amor pelos meus e que isso não mude

Boca fechada, mente aberta
Sou dos focos, foco é na meta
Até me podes chamar de pateta
Nos vemos na década dos quarenta
Falso nigga, não é irmandade
'Tou com excesso de prioridade
Mano Bispo, grand'a humildade
Fuck amizades com prazo de validade
Motherfuckers

Com licença
Com licença

Eu 'tou na via a viver a vida
Na batida, um gajo brinda
É contigo a tua briga
Vou a figo, pensar contamina
Eu dinamizo, parar não combina
Tu dinamiza a onda, convida
Se a alma é rica, há sempre saída
Só se atrasa quem ainda duvida

Se ainda duvidas, não ligues, só reais comigo
Sem folgas no ringue, o amanhã não existe
Fiz-me à pista e, em vista, tenho algo bonito
Mas é hoje o conflito p'ra amanhã que pediste
Pé na tábua, não falta vontade
Sem mágoa, aprumado um bocado, sei
Atrás a viver do passado, ok
Desmarca, não ganhas sentado, tranquilo

Mano Telio, 'tamos no sprint
Sem vacilo, speed, só na atividade
Até 'tou mais antigo, sim, eu 'tou mudado
Música ao quilo, param em qualquer lado
Arranca, nunca vais fazer o teu parado
Até a barraca abana, nós 'tamos firmeza
Até chegar à campa, vou plantar sem palco
Meu caminho não se abranda, mano, com licença

Com licença
Nós 'tamos firmeza, nós 'tamos firmeza
Com licença
Podes ter a certeza

Enviada por rik. Revisão por Cadu.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog