Efeito Colateral

DAY

Longa história
Do tipo que se tu esquece, ela volta só pra te assombrar
Acho que não tem volta
Por que não me solta?
Quero seguir solta, livre pra sonhar

E não é de hoje que eu te vejo em todo canto
Tipo um fantasma que me tira o sono
Efeito colateral de algo tão visceral que a gente viveu
Sei que a gente viveu coisa de gente louca e a gente se perdeu

Eu sei que sou insegura, mas eu não sei não ser sua
Ainda sinto muita culpa quando eu tô com outra mina

Por onde eu for, fantasmas ao meu redor
E eu vejo teu corpo numa cama vazia
E eu sinto seu calor numa noite fria

Você sente minha falta?
Tá vivendo seu conto de fada?
Pensa em mim quando tá com os cara?
Sei que cê quer ligar, sei que cê quer gritar meu nome bem alto
E que se foda toda essa gente tosca
Deixa que eu ainda sei onde você mora
Qualquer dia bato na tua porta

Eu sei que sou insegura, mas eu não sei não ser sua
Ainda sinto muita culpa quando tô com outra mina

Por onde eu for, fantasmas ao meu redor
E eu vejo teu corpo numa cama vazia
E eu sinto seu calor numa noite fria
E eu vejo teu corpo numa cama vazia
E eu sinto seu calor numa noite fria

Por onde eu for, fantasmas ao meu redor
Por onde eu for, fantasmas ao meu redor
E eu vejo teu corpo numa cama vazia
E eu sinto seu calor numa noite fria
Eu vejo teu corpo numa cama vazia
E eu sinto seu calor numa noite fria

Composição: Day / Los Brasileros
Enviada por Matheus. Legendado por Letícia. Revisões por 2 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog