Como Te Gusta?

Dado Villa Lobos

Corpos celestes flutuando sem rumo pelo espaço
O som e a fúria regendo estrelas lado a lado
O medo gela os ossos, o medo do abraço
Que te dá o colo e nega
E gera todo o cansaço que há
E segue o que a gente nunca soube lidar
E segue porque a gente mente, e mente pra poder andar
E segue o que a gente nunca soube parar
E segue porque segue mesmo sem nunca poder provar

Como te gusta?
Assado ou cru?

Corpos celestes flutuando sem rumo pelo espaço
Distante, sem órbita, desordem passo a passo
Batalhas sem glória imprimem o compasso
Que toma o colo e cega
E gera todo o cansaço que há

E segue o que a gente nunca achou lugar
E segue porque a gente pede, e pede pra poder falar
E segue o que a gente nunca pensou que há
E segue porque segue mesmo sem nunca poder provar

Como te gusta?
Assado ou cru?

1, 2, 3
Levanta e vai embora
Outra vez
Levanta e vai embora

Avante!
Seguindo a fúria da história

Composição: Dado Villa-Lobos / Toni Platão
Enviada por Rafael.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Dado Villa Lobos

Ver todas as músicas de Dado Villa Lobos