Ave Maria

Chris Cornell

Original Tradução Original e tradução
Ave Maria

Ave Maria! maiden mild!
O listen to a maiden's prayer!
For thou canst hear amid the wild
Tis thou, tis thou canst save amid despair.
We slumber safely 'til the morrow,
Tho' we, by men, outcast, reviled;
O maiden! see a maiden's sorrow -
O mother, hear a suppliant child!
Ave Maria!

Ave Maria! undefiled!
The flinty couch whereon we're sleeping
Shall seem with down of eider piled,
If thou above, sweet, watch our keeping
The murky cavern's air's so heavy
Shall breathe of balm if thou hast smiled;
O maiden! hear a maiden's pleading!
O mother, hear a suppliant child!
Ave Maria!

Ave Maria! stainless styled!
O fiends of air and earth the essence
From this their wonted haunt exiled
Shall flee before thy holy presence

We bow beneath our care so laden
To thy dear guidance reconciled;
Then hear, o maiden, simple maiden!
And for a father hear a child!
Ave Maria!

Ave Maria

Ave Maria! Doce donzela.
Ó ouça a prece de uma dama
Pois vós podeis ouvir em meio à tempestade
Sois vós, sois vós que nos salvai do desespero
Nós repousamos, seguros, até a manhã
Embora pelos homens sejamos desprezados
Ó dama, veja o sofrer de uma donzela
Ó mãe, ouça uma criança suplicar
Ave Maria!

Ave Maria! A impecável.
A dura cama onde dormimos
Nos parece toda feita em plumas
Se vós, dos céus, sois a nossa guarda
O denso ar da caverna é rançoso
Mas com teu sorriso, se enche de frescor
Ó dama, ouça o apelo de uma donzela
Ó mãe, ousa uma criança suplicar!
Ave Maria!

Ave Maria! Feita sem pecado
Os males no ar e na essência da Terra
Que teimam em nos atormentar
Recuarão ante vossa santa presença

Nós nos curvamos sob teus cuidados
E nos devotamos à tua guia
Então ouça, ó dama, humilde dama,
Como um pai ouve um filho
Ave Maria!

Composição: Franz Schubert
Enviada por Eduardo e traduzida por AM!. Revisão por Manoel.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Chris Cornell

Ver todas as músicas de Chris Cornell