Cerca de La Revolución

Charly Garcia

Original Tradução Original e tradução
Cerca de La Revolución

Porque no vienes hasta mí
Porque no puedo amarte
Porque no vienes hasta mí
Porque no cambias como el sol
Porque no eres tan distante
Porque no cambias como el sol
Me siento sólo y confundido a la vez
Los analistas no podrán entender
No se muy bien que decir
No se más que hacer
Todo el mundo loco y yo sin poderte ver

Pero si insisto, yo se muy bien te conseguiré
Pero si insisto, yo se muy bien te conseguiré
Cerca de la revolución
El pueblo pide sangre
Cerca de la revolución
Yo estoy cantando esta canción
Que alguna vez fue hambre
Estoy cantando esta canción
Y si mañana es como ayer otra vez

Lo que fue hermoso será horrible después
No es sólo una cuestión de elecciones
No elegí este mundo, pero aprendí a querer
Pero si insisto, yo se muy bien te conseguiré
Pero si insisto, yo se muy bien te conseguiré
Si estas palabras te pudieran dar fe
Si esta armonía te ayudara a crecer
Yo sería tan feliz, tan feliz, en el mundo
Que moriría arrodillado a tus pies
Pero si insisto, yo se muy bien te conseguiré
Pero si insisto, yo se muy bien te conseguiré
Seguiré

Perto da Revolução

Porque não vêm até mim
Porque não pode me amar
Porque não vêm até mim
Porque não muda como o Sol
Porque não é tão distante
Porque não muda como o Sol
Me sinto sozinho e confuso outra vez
Os analistas não poderiam entender
Não sei muito bem o que dizer
Não sei mais o que fazer
Todo mundo louco e eu sem poder te ver

Mas se insisto, eu sei muito bem que te pegarei
Mas se insisto, eu sei muito bem que te pegarei
Perto da revolução
O povo pede sangue
Perto da revolução
Eu estou cantando essa música
Que alguma vez foi fome
Eu estou cantando essa música
E se amanhã for como ontem outra vez

O que foi belo será horrível depois
Não é só uma questão de escolha
Não escolhi este mundo, mas aprendi a querer
Mas se insisto, eu sei muito bem que te pegarei
Mas se insisto, eu sei muito bem que te pegarei
Se estas palavras te podem dar fé
Se esta harmonia te ajudará a acreditar
Eu seria tão feliz, tão feliz no mundo
Que morreria ajoelhado aos teus pés
Mas se insisto, eu sei muito bem que te pegarei
Mas se insisto, eu sei muito bem que te pegarei
Seguirei

Composição: Charly García
Enviada por Romina e traduzida por Adriano. Revisão por Luna.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog