Metamorfose

Chagas Sobrinho

Tocaram fogo na fornalha do meu coração
E o fogo se alastrou e me queimou e continuou
Não se apagou .

Estava mergulhado em um mundo frio
Era um homem duro, coração gelado
Um corpo inútil e sem movimento
Num lugar difícil de ser encontrado
Mas um dia nasceu o sol da justiça
E modificou minha situação
Aquela luz divina logo me aqueceu
O grande iceberg ele derreteu
E ascendeu um fogo no meu coração

Agora minha vida é uma fogueira
O meu universo é uma beleza
Logo aquelas trevas transformou-se em luz.
Estou vivendo como uma tocha acesa
E este fogo santo nunca se apagou
Todo dia queima ele nunca falha
O Todo-Poderoso foi quem ascendeu
Toda a frieza desapareceu,
continua ardendo como uma fornalha

Composição: Chagas Sobrinho
Enviada por Emilly.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Chagas Sobrinho

Ver todas as músicas de Chagas Sobrinho