Original Tradução Original e tradução
Dance

Woe drowns out the silence
Now free as heathens
Around in circles do the torn ones dance
Gara amun ian a friar

Led by rhythmic motion
The lucid withers
Rupturing, the walls of every man
High beyond the mother, circling avians
Gracefully inciting one last trance

Gara amun ian a friar
Choreomania, slaying the ever
Sheer oblivion, conquering delirium
Oh, the broken, dancing forever
Won't atone it

(Slay) slaying the ever
(Lay) with whomever
(Love) like no other
(Dance) now or never

Day after night, night after day they faint away
Unwillingly their limbs are raised towards the sky
Gara amun ian a friar
Choreomania, slaying the ever

Sheer oblivion, conquering delirium
Oh, the broken, dancing forever
Won't atone it
Chorea Lasciva

Dança

A desgraça abafa o silêncio
Agora livres como pagãos
Em círculos, os rasgados dançam
Deixe-nos dançar ao redor do fogo

Conduzido por movimento rítmico
O lúcido murcha
Ruptura, as paredes de cada homem
Bem além da mãe, pássaros circulando

Incitando graciosamente um último transe
Deixe-nos dançar ao redor do fogo
Coreomania, matando o sempre
Puro esquecimento, conquistando o delírio
Oh, o quebrado, dançando para sempre
Não vai expiar

(Matar) matando o sempre
(Deitar) quem quer que seja
(Amar) como nenhum outro
(Dançar) agora ou nunca

Dia após noite, noite após dia, eles desmaiam
Involuntariamente, seus membros são erguidos em direção ao céu
Deixe-nos dançar ao redor do fogo
Coreomania, matando o sempre

Puro esquecimento, conquistando o delírio
Oh, o quebrado, dançando para sempre
Não vai expiar
Coreia lasciva

Enviada por Renato e traduzida por Isabelle. Revisão por Walter.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Cellar Darling

Ver todas as músicas de Cellar Darling