Déjame Conmigo

Cristian Castro

Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

Déjame Conmigo

Vete y déjame conmigo
Más vale estar yo solo, más vale vivir solo
Más vale hacerlo ahora, sacarte de mi mente
Ir perdiendo la memoria intencionadamente

Vete y déjame solito
Me cuesta hacerte a un lado, a tu puerto sigo anclado
Si es cierto que me adoras no tardes en dejarme
Jugaste a la impostora diciendo ser un ángel

Tarde, muy tarde es ya para seguirte amando
No puedo seguir respirando, no, el mismo aire que tú
Aun huele a ingratitud

Y déjame, y déjame conmigo flaca
Entiende que mi herida todavía sangra
Nada, nada, puedes hacer por mí
Solo irte y dejarme aquí

Y déjame y déjame tranquilo, entiende
Prefiero estar conmigo que con quien me miente
Nada, nada, hoy no me dejaste nada
Cuando huiste esa madrugada

Vete y déjame solito
Tu tiempo está contado
Pues hay alguien que te está esperando

Si es cierto que me quieres, salúdame a tu amigo
Dile que te quiera mucho
Para que le hagas lo mismito que hiciste conmigo
Para que le hagas lo mismito que hiciste conmigo

Tarde, muy tarde es
Ya para seguirte amando
No quiero continuar hablando
No quiero que se rompa mi voz
Antes de que te hallas ido mi amor

Y déjame, y déjame conmigo flaca
Entiende que mi herida todavía sangra
Nada, nada, puedes hacer por mí
Solo irte y dejarme aquí

Y déjame y déjame tranquilo, entiende
Prefiero estar conmigo que con quien me miente
Nada, nada, hoy no me dejaste nada
Cuando huiste esa madrugada

Y por ahora, y por ahora déjame conmigo
Y por ahora, por ahora vete con tu amigo
Y por ahora, y por ahora déjame conmigo
Y por ahora, por ahora vete con tu amigo

Y por ahora, y por ahora déjame conmigo
Y por ahora, por ahora vete con tu amigo
Y por ahora, y por ahora déjame conmigo
Y por ahora, por ahora vete con tu amigo

Sai comigo

Vá embora e saia comigo
É melhor estar sozinho, é melhor viver sozinho.
É melhor fazê-lo agora, saia da minha mente.
Intencionalmente perdendo memória

Vá e me deixe em paz
Eu tenho dificuldade em deixá-lo de lado, sua porta ainda está ancorada
Se é verdade que você me ama, não se apresente deixar-me
Você jogou o impostor dizendo ser um anjo

Tarde demais, tarde demais para continuar amando você
Não consigo respirar, não, o mesmo ar que você
Ainda cheira a ingratidão

E me deixe, e deixe-me magro
Compreenda que minha ferida ainda sangra
Nada, nada, você pode fazer por mim.
Apenas vá e me deixe aqui

E me deixe e me deixe em paz, entenda
Prefiro estar comigo mesmo do que com quem eu minto
Nada, nada, você não me deixou nada hoje.
Quando você fugiu naquela noite

Vá e me deixe em paz
Seu tempo é contado
Bem, há alguém esperando por você.

Se é verdade que você me ama, diga olá para seu amigo
Diga-lhe que o ame muito.
Para que você faça o mesmo que você fez comigo
Para que você faça o mesmo que você fez comigo

Tarde demais, é muito tarde
Já para continuar amando você
Eu não quero continuar falando
Eu não quero que minha voz quebre
Antes de você ter ido, meu amor.

E me deixe, e deixe-me magro
Compreenda que minha ferida ainda sangra
Nada, nada, você pode fazer por mim.
Apenas vá e me deixe aqui

E me deixe e me deixe em paz, entenda
Prefiro estar comigo mesmo do que com quem eu minto
Nada, nada, você não me deixou nada hoje.
Quando você fugiu naquela noite

E por enquanto, e por enquanto, deixe-me em paz.
E por enquanto, vá embora com seu amigo
E por enquanto, e por enquanto, deixe-me em paz.
E por enquanto, vá embora com seu amigo

E por enquanto, e por enquanto, deixe-me em paz.
E por enquanto, vá embora com seu amigo
E por enquanto, e por enquanto, deixe-me em paz.
E por enquanto, vá embora com seu amigo


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Cristian Castro

Ver todas as músicas de Cristian Castro