LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Inevitável

Bruno e Marrone

É animal
É tão voraz essa paixão
É vendaval
Me tira a paz, faz confusão

Chega a dar medo
Sabe o segredo do meu coração

É sempre assim
Sem avisar, me surpreende
Demais pra mim
Quando, sei lá, chega e me rende

Me devora
Depois some
A alma chora

É inevitável te amar assim
Quantas vezes digo não, mas lá no fim
Sempre me entrego

É inevitável o poder da paixão
Se tento esquecer, lá dentro o coração
Fica surdo, fica mudo, fica cego

É sempre assim
Sem avisar, me surpreende
Demais pra mim
Quando, sei lá, chega e me rende

Me devora
Depois some
A alma chora

É inevitável te amar assim
Quantas vezes digo não, mas lá no fim
Sempre me entrego

É inevitável o poder da paixão
Se tento esquecer, lá dentro o coração
Fica surdo, fica mudo, fica cego

É inevitável te amar assim
Quantas vezes digo não, mas lá no fim
Sempre me entrego

É inevitável o poder da paixão
Se tento esquecer, lá dentro o coração
Fica surdo, fica mudo, fica cego

Composição: Zé Henrique Essa informação está errada? Nos avise.
Legendado por Manuella. Revisões por 10 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Bruno e Marrone

Ver todas as músicas de Bruno e Marrone