Listas musicais

Música para concentração: 11 canções que vão te ajudar

Por Renata Arruda

21 de Setembro de 2020, às 19:00


A música está presente na rotina de quase todos nós. Seja para se divertir, emocionar ou realizar alguma tarefa, é muito difícil imaginar nossas vidas sem ela. 

Mas você sabia que, além de nos proporcionar lazer, a música traz inúmeros benefícios pro nosso dia a dia?

Um deles é ajudar a melhorar a concentração. Embora pra algumas pessoas essa afirmação soe estranha, estudos feitos na Universidade de Caen, na França, comprovaram que ouvir música durante os estudos melhora o foco, o aprendizado e a produtividade.

Por isso, reunimos neste post algumas sugestões de música para concentração que vão ajudar a quem estiver precisando de um empurrãozinho extra pra manter a atenção. Vem com a gente!

Música para concentração: as melhores

A maioria dos estudos indicam que a música clássica é a mais recomendada para aumentar a concentração. Nos anos 90, a revista Nature inclusive publicou uma pesquisa mostrando que as peças de Mozart melhoraram as funções cognitivas dos participantes, o que ficou conhecido como o Efeito Mozart.

No entanto, hoje já se sabe que outros tipos de canções possuem efeitos semelhantes: o importante é que não despertem grandes emoções ou alterações de humor, mas que nos ajudem a abstrair dos sons do ambiente.

Pensando nisso, selecionamos músicas para todos os gostos. Vem ver!

May It Be — Enya

Pra quem não dispensa ouvir música com vocais, as canções da irlandesa Enya são uma boa pedida. May It Be, por exemplo, foi composta para a trilha sonora de O Senhor dos Anéis e tem até trechos em Quenya, o idioma fictício dos livros.

É apertar o play e se transportar para todo um novo universo mental:

In My Life — The Beatles

Se você não abre mão dos clássicos, uma baladinha dos Beatles pode deixar suas tarefas muito mais agradáveis e, de quebra, ajudar na produtividade. Aqui indicamos In My Life, uma da mais belas do quarteto de Liverpool.

Viva La Vida — 2Cellos

Para curtir uma boa música pop sem correr o risco de se distrair com as letras, o 2Cellos tem o repertório ideal: o duo de violoncelistas é conhecido por suas releituras de músicas famosas em versão instrumental. Viva La Vida, do Coldplay, é uma delas.

May Be — Yiruma

Yiruma é um compositor e pianista sul-coreano aclamado no mundo todo, com mais de dois milhões de ouvintes mensais no Spotify.

Uma de suas peças mais famosas é a suave May Be, ideal para acalmar a mente e deixar a gente em estado de profunda tranquilidade.

As Quatro Estações — Antonio Vivaldi

Você certamente já ouviu As Quatro Estações muitas vezes por aí, principalmente em filmes de época.

Uma das mais famosas peças de Vivaldi, consiste em quatro concertos para violino e orquestra e é uma ótima porta de entrada para quem não está acostumado a ouvir música barroca.

La Valse D’Amélie — Yann Tiersen 

Composta pelo músico vanguardista Yann Tiersen, a apaixonante La Valse D’amelie está presente na trilha sonora de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain.

É um excelente exemplo de música instrumental minimalista para ouvir durante tarefas que exigem atenção.

Cello Suite No. 1, Prelude — Bach

Primeira das Seis Suítes para Violoncelo Solo compostas por Bach, Cello Suite No. 1, Prelude é mais melancólica que as músicas citadas anteriormente, boa pra acalmar quando estamos muito agitados ou realizando tarefas estressantes.

Indicamos aqui a versão da violoncelista Rebecca Roudman, que inclusive chegou a participar da quinta temporada de America’s Got Talent:

Für Elise — Beethoven

Presente em quase todo caminhão de gás e móbile de quarto de bebê, Für Elise talvez seja a composição barroca mais conhecida no mundo inteiro.

A peça já ganhou inúmeras versões e vale a pena ter na sua playlist de canções para melhorar a concentração.

Summertime — Kat Edmonson

Entrando no universo do jazz, Summertime é uma canção de ar retrô, cantada quase num sussurro por Kat Edmonson. É ótima para criar uma atmosfera tranquila e esquecer do mundo exterior.

Dance Me To The End Of Love — Madeleine Peyroux

A voz rouca e envolvente de Madeleine Peyroux já seria o suficiente para colocar a gente em um clima aconchegante.

Mas sua inspiradíssima versão de Dance Me To The End Of Love, de Leonard Cohen, em uma roupagem jazz que lembra o melhor de Billie Holiday, beira o sublime. 

Don’t Know Why — Norah Jones

Encerrando nossa lista em grande estilo, recomendamos Don’t Know Why, canção de Jesse Harris que se tornou um grande sucesso na voz suave de Norah Jones. 

É mais uma daquelas faixas que ajudam a silenciar os ruídos externos e focar naquilo que importa.

Como usar a música para ajudar na concentração?

Em primeiro lugar, é importante escolher um gênero musical neutro e que te agrade, mas não ao ponto de se distrair cantando bem alto! O ideal é optar por estilos como:

  • Música clássica;
  • Jazz;
  • Música ambiente;
  • Sons da natureza;
  • Instrumental;
  • Lo-fi.

Isso porque esse tipo de som induz nossa mente ao relaxamento, estimulando os fatores que agem no aprendizado e na produtividade.

É importante também se atentar ao volume: embora o ideal seja o baixo, o importante é que corresponda ao seu gosto.

Outra dica é variar o estilo, optando por criar uma playlist longa e com artistas de diversos gêneros, ou várias playlists temáticas. Dessa forma, você não corre o risco de enjoar de determinadas canções e acabar ficando sem ter o que ouvir durante suas tarefas!

Para evitar maiores distrações, vale a pena também evitar canções em idiomas que você conhece, pra não se pegar prestando atenção na letra.

E, claro, não deixe de investir em um bom fone, capaz de silenciar todo o som exterior.

Mais curiosidades sobre música!

Agora que você entendeu como a música pode ser uma grande aliada para melhorar a concentração, vem descobrir 10 curiosidades sobre música que quase ninguém sabe!

Curiosidades sobre música

Confira também:

Receba os melhores posts do blog em seu e-mail

Assine a newsletter gratuitamente

Por favor, insira um e-mail válido.

Obrigado por assinar a nossa newsletter! 😊

Ops, rolou um erro na inscrição. Tente novamente mais tarde.