The Curse Of Fëanor

Blind Guardian

Original Tradução Original e tradução
The Curse Of Fëanor

Taken the long way
Dark realms I went through
I arrived
My vision's so clear
In anger and pain
I left deep wounds behind
But I arrived
Truth might be changed by victory

Beyond the void but deep within me
A swamp of filth exists
A lake it was of crystal beauty
But Arda's spring went by
I've heard the warning
Well curse my name
I'll keep on laughing
No regret
No regret

Don't fear the eyes of the dark lord
Morgoth I cried
All hope is gone but I swear revenge
Hear my oath
I will take part in your damned fate

I will always remember their cries
Like a shadow which covers the light
I will always remember time
But it's past
I cannot turn back the time
(I) don't look back
There's still smoke near the shore
But I arrived
Revenge be mine

I will take part in your damned fate
Morgoth I cried
It's my oath
So don't fear the eyes
Of the dark lord

Suddenly I realized
(Soon you will be free)
The prophecies
(Set your spirit free)
I've never believed in
No!
My deeds were wrong
I've stained the land
And slain my kin
(Burning Soul)
(There's) no release from my sins
It hurts
The curse of Fëanor runs long
Time and only time will tell us
Tell: was I right or wrong?
When anger breaks through
I'll leave mercy behind

I will take part in your damned fate
Morgoth I cried
It's my oath
So don't fear the eyes
Of the dark lord

I will always remember their cries
Like a shadow they'll cover my life
But I'll also remember mine
(And) after all I'm still alive

Morgoth I cried
All hope is gone but I swear revenge
Hear my oath
I will take part in your damned fate

A Maldição de Fëanor

Tomando o caminho mais longo
Por reinos escuros eu passei
Eu cheguei
Minha visão está tão clara
Em raiva e dor
Eu deixei feridas profundas para trás
Mas eu cheguei
A verdade pode ser mudada pela vitória

Além do vazio mas profundamente em mim
Um pântano de sujeira existe
Era um lago de beleza cristalina
Mas a primavera de Arda passou
Eu ouvi o alerta
Bem, amaldiçoe o meu nome
Eu vou continuar rindo
Sem arrependimento
Sem arrependimento

Não tema os olhos do senhor do escuro
Morgoth eu gritei
Toda a esperança se foi mas eu juro vingança
Ouça meu juramento
Eu farei parte do seu destino maldito

Eu sempre irei me lembrar dos gritos deles
Como uma sombra que cobre a luz
Eu sempre lembrarei dessa hora
Mas é passado
Não posso voltar no tempo
(Eu) não olho para trás
Ainda há fumaça perto da costa
Mas eu cheguei
A vingança será minha

Eu farei parte do seu destino maldito
Morgoth eu gritei
É meu juramento
Então não tema os olhos
Do senhor do escuro

De repente eu entendi
(Logo você estará livre)
As profecias
(Liberte seu espírito)
Eu nunca acreditei nelas
Não!
Minhas ações estavam erradas
Eu manchei a terra
E matei meus semelhantes
(A alma queimando)
Não há libertação para os meus pecados
Isso dói
A madição de Fëanor continua
O tempo e só o tempo nos dirá
Dirá: Eu estava certo ou errado?
Quando a raiva abrir caminho
Eu deixarei a piedade para trás

Eu farei parte do seu destino maldito
Morgoth eu gritei
É meu juramento
Então não tema os olhos
Do senhor do escuro

Eu sempre irei me lembrar dos gritos deles
Como uma sombra eles irão cobrir minha vida
Mas eu também me lembrarei
(Que) depois de tudo que eu ainda estou vivo

Morgoth eu gritei
Toda a esperança se foi mas eu juro vingança
Ouça meu juramento
Eu farei parte do seu destino maldito

Composição: André Olbrich / Marcus Siepen / Thomen Stauch
Legendado por Davi e Ellyan. Revisões por 6 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog