LETRAS.MUS.BR - Letras de músicas

Si Por Mí Fuera

Beret

Tradução automática via Google Translate

Si Por Mí Fuera

Si por mí fuera, si por mí fuera
Haría lo imposible por tenerte entera
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Serías el aire que mueve mi bandera
Si por mí fuera, si por mí fuera
Te llevaría conmigo incluso aunque me duela
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Inventaría un camino solo a tus caderas

Yo le dije: Arréglate, sin referirme a la ropa
Y ella me dijo: No sé, tampoco me veo tan rota
Yo era tan poco y como ella había tan pocas
Lo más normal que tenía es que parecía tan loca

Yo era el cantante y ella daba la nota
Me contaba mil historias, pero yo nunca era el prota
Ella amaba la lluvia y yo que iba a cuentagotas
Ella ya cambió por otro y yo no la cambio por otra

Si por mí fuera, si por mí fuera
Haría lo imposible por tenerte entera
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Serías el aire que mueve mi bandera
Si por mí fuera, si por mí fuera
Te llevaría conmigo incluso aunque me duela
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Inventaría un camino solo a tus caderas

Ella quería cambiarme todo lo que yo no pude antes
Y me robaba el tiempo como si me sobraran instantes
Por más que me quitase, si me llamaba nunca iba tarde
Era como un veneno, pero lo bebo para saciarme
Y parece buena, incluso estando a malas
Y yo la llamo cielo, porque con ella me salen alas
Y algo en mí se me para cuando ella se separa
Sé que la necesito y eso no es bueno, pero me calma

Normal que frene y que frene si ella acelera y me puede
Después me da la vida y se va, se va
Sabe lo que debe y no quiere, ya que quererme no debe
Ella pregunta y yo le respondo: Ya qué

Si por mí fuera, si por mí fuera
Haría lo imposible por tenerte entera
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Serías el aire que mueve mi bandera
Si por mí fuera, si por mí fuera
Te llevaría conmigo incluso aunque me duela
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Inventaría un camino solo a tus caderas

No sé por qué me das la vida y luego me matas
No sé, yo quiero olvidarte y tú mejor me tratas
No sé, para ti tan solo es juego y no es más nada
Y no sé, tú eras siempre la pistola y yo la bala
No sé, te encanta jugar con fuego y ya hay mil llamas
No sé, ¿hasta dónde llegaremos? Dime dónde
No sé, yo tan solo veo miedo, un querer, pero no puedo
Y no sé lo que hacer

Si por mí fuera, si por mí fuera
Haría lo imposible por tenerte entera
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Serías el aire que mueve mi bandera
Si por mí fuera, si por mí fuera
Te llevaría conmigo incluso aunque me duela
Ay, ay, ay, que si por mí fuera
Inventaría un camino solo a tus caderas

Sim para mim fora

Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu faria o meu melhor para ter você inteiro, sim-sim-sim
Que se para mim seria o ar que move minha bandeira
Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu levaria você comigo mesmo que dói, sim-sim-sim
Que, se fosse por mim, inventaria um caminho apenas para seus quadris

Eu disse: Prepare-se, sem se referir a roupas
E ela me disse: eu não sei, também não pareço tão quebrada
Eu era tão pequena e como ela tinha tão poucas
A coisa mais normal que eu tinha era que ela parecia tão louca
Eu era a cantora e ela deu a nota
Contei a ele mil histórias, mas nunca fui o prota
Ela amou a chuva e eu ia cair
Ela já trocou por outro e eu não troquei por outro

Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu faria o meu melhor para ter você inteiro, sim-sim-sim
Que se para mim seria o ar que move minha bandeira
Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu levaria você comigo mesmo que dói, sim-sim-sim
Que, se fosse por mim, inventaria um caminho apenas para seus quadris

Ela queria mudar tudo o que eu não podia antes
E eu estava roubando meu tempo como se eu tivesse momentos restantes
Por mais que decolasse, se ele me ligasse, nunca estava atrasado
Era como um veneno, mas eu bebo para me satisfazer
E parece bom, mesmo sendo ruim
E eu a chamo de paraíso, porque com ela eu tenho asas
E algo em mim me impede quando ela se separa
Eu sei que preciso e isso não é bom, mas me acalma
Normal para frear e frear se ela acelera e pode
Então ele me dá vida e sai, deixa
Ele sabe o que deve e o que não quer, já que me amar não deveria
Ela pergunta e eu respondo: Desde o que

Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu faria o meu melhor para ter você inteiro, sim-sim-sim
Que se para mim seria o ar que move minha bandeira
Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu levaria você comigo mesmo que dói, sim-sim-sim
Que, se fosse por mim, inventaria um caminho apenas para seus quadris

Não sei por que você me dá vida e depois me mata
Eu não sei, eu quero te esquecer e é melhor você me tratar
Eu não sei, para você tanto é apenas jogo e não é nada mais
E eu não sei, você sempre foi a arma e eu a bala
Não sei, você adora brincar com fogo e tem mil lhamas
Não sei, até onde iremos? Diga-me onde
Não sei, só vejo medo, amor, mas não posso
E eu não sei o que fazer

Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu faria o meu melhor para ter você inteiro, sim-sim-sim
Que se para mim seria o ar que move minha bandeira
Se fosse por mim, se fosse por mim
Eu levaria você comigo mesmo que dói, sim-sim-sim
Que, se fosse por mim, inventaria um caminho apenas para seus quadris

Composição: Beret / Manuel Sanchez Rodriguez
Enviada por Cristian, Legendado por Ana