Semana do Inglês com Música
dias horas minutos
Participar

Crow

Bear's Den

Original Tradução Original e tradução
Crow

I think of you much more than I
Would like to admit that I
Do before strangers
But there you are

Whistling through the trees again
Rustling through the leaves my friend
A feather on my pillow
Let's me know that you're near

I remember the night that you arrived
December maybe, '95
Your hair and your breath smelled
Of John Player Specials

A stranger who I learned to love
A friend when really no one was
My Daedalus, my wings to fly
Why'd you leave me behind?

My beautiful crow
And all those black feathers
Perched deep in my soul
Won't let me let you go

I never really thanked you for
All of the light you brought
Into my mother's eyes
So many others tried

Her sadness since the day you left
She will not get out of bed
She stares out the window
Smokes a black pack of JPS

I was out on St Paul's
When I heard about your fall
Walking with Caroline
She bums smokes from time to time

I walked home alone that night
I could feel you when I closed my eyes
I looked up into the night
And watched black feathers fall from the sky

I think of you much more than I'm allowed to admit
But I do
I still do

My beautiful crow
And all those black feathers
Perched deep in my soul
Won't let me let you go

I have tried to push you down
I have tried to cut you out
You're rattling your cage
I'm rattling my cage

I have tried to drown you out
Drink till I don't hear the sound
The song's still the same
The song's still the same

My beautiful crow
And all those black feathers
Perched deep in my soul
Won't let me let you go

Corvo

Eu penso em você muito mais do que eu
Gostaria de admitir que eu
Faça sobre estranhos
Mas aí você está

Assobiando pelas árvores novamente
Sussurrando através das folhas, meu amigo
Uma pena no meu travesseiro
Me deixa saber que você está perto

Eu me lembro da noite em que você chegou
Dezembro talvez, 95
Seu cabelo e seu hálito cheiravam
John Player Specials

Um estranho que aprendi a amar
Um amigo quando na verdade ninguém era
Meu Dédalo, minhas asas para voar
Por que você me deixou para trás?

Meu lindo corvo
E todas aquelas penas pretas
Empoleirado no fundo da minha alma
Não me deixam te deixar ir

Eu nunca realmente te agradeci por
Toda a luz que você trouxe
Aos olhos da minha mãe
Tantos outros tentaram

A tristeza dela desde o dia em que você saiu
Ela não vai sair da cama
Ela olha pela janela
Fuma um pacote preto de JPS

Eu estava na St. Paul
Quando eu ouvi sobre sua queda
Andando com a Caroline
Ela fuma de vez em quando

Eu fui para casa sozinha naquela noite
Eu pude sentir você quando fechei meus olhos
Eu olhei para a noite
E vi penas pretas caírem do céu

Eu penso em você muito mais do que posso admitir
Mas eu sim
Eu ainda faço

Meu lindo corvo
E todas aquelas penas pretas
Empoleirado no fundo da minha alma
Não me deixam te deixar ir

Eu tentei te empurrar pra baixo
Eu tentei te eliminar
Você está sacudindo sua gaiola
Estou chocalhando minha gaiola

Eu tentei te afogar
Beber até não ouvir o som
A música ainda é a mesma
A música ainda é a mesma

Meu lindo corvo
E todas aquelas penas pretas
Empoleirado no fundo da minha alma
Não me deixam te deixar ir

Enviada por Wenddell e traduzida por Thiago.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog