DÁKITI (part. Jhay Cortez)

Bad Bunny

Original Tradução Original e tradução
DÁKITI (part. Jhay Cortez)

Baby, ya yo me enteré, se nota cuando me ve'
Ahí donde no ha' llega'o, sabe' que yo te llevaré
Y dime qué quiere' beber, e' que tú ere' mi bebé
Y de nosotro' quién va a hablar, si no nos dejamo' ver

Y a vece' e' Dolce, a vece' e' Bulgari
Cuando te lo quito después' de lo' partie'
La copa de vino, la libra de mari
Tú está' bien suelta y yo de safari

Tú mueve' el culo fenomenal
Pa' yo devorarte como animal
Si no te ha' veni'o, yo te vo' a esperar
En mi cama, y lo voy a celebrar

Baby, a ti no me opongo
Y siempre te lo pongo
Y si tú me tira'
Vamo' a nadar en lo hondo

Si e' por mí, te lo pongo
De septiembre hasta agosto
A mí sin cojones
Lo' que digan tu' amiga'

Ya yo me enteré, se nota cuando me ve'
Ahí donde no ha' llega'o, sabe' que yo te llevaré
Y dime qué quiere' beber, e' que tú ere' mi bebé
Y de nosotro' quién va a hablar, si no nos dejamo' ver

(¿Me sigue'?)

Mami, me tiene' juquea'o, sé
Si fuera' la uru', me tuviese' parquia'o
Dando vuelta por el Condado
Contigo siempre arrebata'o

Tú no ere' mi señora
Pero toma cinco mil y gástalo en Sephora
Louis Vuitton, ya no compra en Pandora
Como piercing, a los hombre' perfora, eh eh eh

Hace tiempo le rompieron el cora (el cora)
Estudiosa, puesta pa' ser doctora (doctora)
Pero le gustan lo' títere' wheeleando motora (motora)
Yo estoy pa' ti la' veinticuatro hora'

Baby, a ti no me opongo
Y siempre te lo pongo (yo te lo pongo)
Y si tú me tira'
Vamo' a nadar en lo hondo (nadar en lo hondo)

Si e' por mí, te lo pongo
De septiembre hasta agosto
Y a mí sin cojone'
Lo' que digan tu' amiga'

Ya yo me enteré, se nota cuando me ve'
Ahí donde no ha' llega'o, sabe' que yo te llevaré
Y dime qué quiere' beber, e' que tú ere' mi bebé
Y de nosotro' quién va a hablar, si no nos dejamo' ver

Y a vece' e' Dolce, a vece' e' Bulgari
Cuando te lo quito después' de lo' partie'
La copa de vino, la libra de mari
Tú está' bien suelta y yo de safari

Tú mueve' el culo fenomenal
Pa' yo devorarte como animal
Si no te ha' veni'o, yo te vo' a esperar
En mi cama, y lo voy a celebrar

DÁKITI (part. Jhay Cortez)

Meu bem, eu já tô ligado, dá pra notar quando me vê
Saiba que eu te farei chegar lá, onde você ainda não chegou
E me diz o que você quer beber, porque você é o meu bebê
E quem vai falar de nós dois se fazemos tudo na calada

E às vezes é Dolce, às vezes é Bulgari
Quando eu tiro sua roupa depois das festas
As taças de vinho, os tijolos de maconha
Você está bem solta e eu em busca de uma aventura

Você mexe a raba de um jeito fenomenal
Para que eu te devore como um animal
Se você ainda não chegou lá, eu vou te esperar
Lá na minha cama, e eu vou comemorar

Meu bem, não fico contra você
E eu sempre te como
E se você me der mole
Vamos mergulhar de cabeça nessa

Se depender de mim, eu te como
De setembro a agosto
Eu não dou a mínima
Para o que suas amigas dizem

Eu já tô ligado, dá pra notar quando me vê
Saiba que eu te farei chegar lá, onde você ainda não chegou
E me diz o que você quer beber, porque você é o meu bebê
E quem vai falar de nós dois se fazemos tudo na calada

(Tá me entendendo?)

Gata, eu estou fissurado em você
É, se você fosse uma Urus, ficaria estacionado
Dando um rolê pelo bairro
Sempre chapado, com você do lado

Você não é minha mulher
Mas toma aqui cinco mil e gasta tudo em Sephora
Louis Vuitton, ela não compra mais na Pandora
Ela é tipo um piercing, perfura os homens, ê

Já faz um tempo que partiram o coração dela (o coração)
Estudiosa, pronta para ser médica (médica)
Mas ela prefere os maloqueiros pisando fundo no acelerador (acelerador)
Eu estou à sua disposição, a qualquer hora do dia

Meu bem, não fico contra você
E eu sempre te como (sempre te como)
E se você me der mole
Vamos mergulhar de cabeça nessa (mergulhar de cabeça)

Se depender de mim, eu te como
De setembro a agosto
Eu não dou a mínima
Para o que suas amigas dizem

Eu já tô ligado, dá pra notar quando me vê
Saiba que eu te farei chegar lá, onde você ainda não chegou
E me diz o que você quer beber, porque você é o meu bebê
E quem vai falar de nós dois se fazemos tudo na calada

E às vezes é Dolce, às vezes é Bulgari
Quando eu tiro sua roupa depois das festas
As taças de vinho, os tijolos de maconha
Você está bem solta e eu em busca de uma aventura

Você mexe a raba de um jeito fenomenal
Para que eu te devore como um animal
Se você ainda não chegou lá, eu vou te esperar
Lá na minha cama, e eu vou comemorar

Composição: Bad Bunny / Jhay Cortez / Gabriel Mora
Enviada por Taylor e traduzida por Taylor. Legendado por Taylor. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog