Winter Bird

AURORA

Original Tradução Original e tradução
Winter Bird

Walking in my sleep
Like the naked trees
Will they wake up again?
Do they sleep, do they dream?

Feel it as the wind strokes my skin
I am moved by the chill
Hear the winter bird sing

Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah

My tears are always frozen
I can see the air I breathe
Got my fingers painting pictures
On the glass in front of me
Lay me by the frozen river
Where the boats have passed me by
All I need is to remember
How it was to feel alive

Silent days, violent chase
We are dancing again
In a dream, by the lake

Ee-ee-ee-ee-eeh
Aa-aa-aa-aa-aah

My tears are always frozen
I can see the air I breathe
Got my fingers painting pictures
On the glass in front of me
Lay me by the frozen river
Where the boats have passed me by
All I need is to remember
How it was to feel alive

Pressed against my pillow
Like the ageing winter Sun
Only wake each morning
To remember that you're gone
So I drift away again
To winter I belong

Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah

My tears are always frozen
I can see the air I breathe
Got my fingers painting pictures
On the glass in front of me
Lay me by the frozen river
Where the boats have passed me by
All I need is to remember
How it was to feel alive

My tears are always frozen (aah)
My tears are always frozen (aah)
My tears are always frozen (aah)

All I need is to remember
How it was to feel alive
I need to remember
How it was to feel alive

Pássaro Invernal

Caminhando em meu sono
Como as árvores nuas
Será que elas vão acordar de novo?
Elas dormem, elas sonham?

Sinto quando o vento toca a minha pele
Eu sou movida pelo calafrio
Ouço o canto do pássaro invernal

Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah

Minhas lágrimas estão sempre congeladas
Eu posso ver o ar que respiro
Tenho meus dedos desenhando imagens
No vidro em minha frente
Deite-me junto ao rio congelado
Onde os barcos passaram por mim
Tudo que eu preciso é me lembrar
De como era me sentir viva

Dias silenciosos, perseguição violenta
Nós estamos dançando novamente
Em um sonho, à beira do lago

Ee-ee-ee-ee-eeh
Aa-aa-aa-aa-aah

Minhas lágrimas estão sempre congeladas
Eu posso ver o ar que respiro
Tenho meus dedos desenhando imagens
No vidro em minha frente
Deite-me junto ao rio congelado
Onde os barcos passaram por mim
Tudo que eu preciso é me lembrar
De como era me sentir viva

Pressionada contra o meu travesseiro
Como o Sol de inverno que envelhece
Acordo todas as manhãs apenas
Para lembrar que você foi embora
Então, eu me afasto novamente
Ao inverno eu pertenço

Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah
Aa-aa-aa-aa-aah

Minhas lágrimas estão sempre congeladas
Eu posso ver o ar que respiro
Tenho meus dedos desenhando imagens
No vidro em minha frente
Deite-me junto ao rio congelado
Onde os barcos passaram por mim
Tudo que eu preciso é me lembrar
De como era me sentir viva

Minhas lágrimas estão sempre congeladas (aah)
Minhas lágrimas estão sempre congeladas (aah)
Minhas lágrimas estão sempre congeladas (aah)

Tudo que eu preciso é me lembrar
De como era me sentir viva
Eu preciso me lembrar
De como era me sentir viva

Composição: Jonny Wright / Aurora Asknes
Enviada por missvallerio e traduzida por isadora. Legendado por millena e Rafael. Revisões por 15 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de AURORA

Ver todas as músicas de AURORA