Temporal

Art Popular

Faz tempo que a gente não é
Aquele mesmo par
Faz tempo que o tempo não passa
E é só você estar aqui

Até parece que adormeceu
O que era noite, já amanheceu

Cadê aquele nosso amor
Naquela noite de verão?
Agora a chuva é temporal
E todo céu vai desabar

É, até parece que o amor não deu
Até parece que não soube amar
Você reclama do meu apogeu, do meu apogeu
E todo o céu vai desabar

Ah, ah, desabou

É, até parece que o amor não deu
Até parece que não soube amar
Você reclama do meu apogeu, do meu apogeu
E todo o céu vai desabar

Ah, ah, desabou

Faz tempo que a gente não é
Aquele mesmo par
Faz tempo que o tempo não passa
E é só você estar aqui

Até parece que adormeceu
O que era noite, já amanheceu

Cadê aquele nosso amor
Naquela noite de verão?
Agora a chuva é temporal
E todo céu vai desabar

É, até parece que o amor não deu, que o amor não deu
Até parece que não soube amar
Você reclama do meu apogeu, do meu apogeu
E todo o céu vai desabar

Ah, ah, ai, desabou, me iludiu

É, até parece que o amor não deu, não deu
Até parece que não soube amar
Você reclama do meu apogeu, do meu apogeu
E todo o céu vai desabar

Ah, ah, ai, desabou, me iludiu

É, até parece que o amor não deu
Até parece que não soube amar, não soube, não soube amar
Você reclama do meu apogeu, do meu apogeu
E todo céu vai desabar

Ah, ah

Composição: Leandro Lehart
Legendado por Barbara. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Art Popular

Ver todas as músicas de Art Popular