The Bitter Man

Any Given Day

Original Tradução Original e tradução

Tradução automática via Google Translate

The Bitter Man

I am alone

I am alone; this bitter man that I've become
Hold my breath, laid to rest
Drown in my tears; there's nothing left of me
I am alone; the angry man upon his throne
I can't pretend, the great descent
Take my hand until the end

You see me on the horizon, I am the air you breathe
I sold my soul to the seven seas
Condemned and lost, pulled off course
I will never leave; I'm always yours

Each time I stand ashore
With sand between my toes
I remember and I know I am alone

I am alone; this bitter man that I've become
Hold my breath, laid to rest
Drown in my tears; there's nothing left of me
I am alone; the angry man upon his throne
I can't pretend, the great descent
Take my hand until the end

The water will wash away my pain and sorrows
A stranger in the night who blindly follows, who follows
This is the path I choose and this is the place I die (I die)
When heaven rests itself upon the earth
I'm one step closer to the sky

To the one I loved, now lost
To the one I sheltered from the rain that turned to frost
To the sunken feeling when I saw your face
I will perish in never ending disgrace

You are the sea, I am the shore
I will never leave; I'm always yours

Each time I stand ashore
With sand between my toes
I remember and I know I am alone

I am alone; this bitter man that I've become
Hold my breath, laid to rest
Drown in my tears; there's nothing left of me
I am alone; the angry man upon his throne
I can't pretend, the great descent
Take my hand until the end

There is a world inside me
It lives; it hurts; it barely breathes
I cast my heart into the sea
If it means it brings you closer to me

O homem amargo

Estou sozinho

Estou sozinho; este homem amargo que eu me tornei
Prender a respiração, colocado para descansar
Afogar em minhas lágrimas; não há mais nada de mim
Estou sozinho; o homem irritado em seu trono
Eu não posso fingir, a grande descida
Pegue minha mão até o fim

Você me vê no horizonte, eu sou o ar que você respira
Eu vendi minha alma para os sete mares
Condenado e perdido, foi arrancado do curso
Eu nunca te deixarei; Eu sou sempre seu

Cada vez que eu ficar em terra
Com areia entre os dedos dos pés
Lembro-me e eu sei que estou sozinho

Estou sozinho; este homem amargo que eu me tornei
Prender a respiração, colocado para descansar
Afogar em minhas lágrimas; não há mais nada de mim
Estou sozinho; o homem irritado em seu trono
Eu não posso fingir, a grande descida
Pegue minha mão até o fim

A água vai lavar a minha dor e tristezas
Um estranho no meio da noite que segue cegamente, que segue
Este é o caminho que eu escolher e este é o lugar que eu morrer (eu morrer)
Quando o céu se baseia-se sobre a terra
Eu estou um passo mais perto do céu

Para o que eu amava, agora perdido
Para o que eu abrigada da chuva que transformou a geada
Para o sentimento afundado quando vi seu rosto
I vai perecer no interminável desgraça

Você é o mar, Eu sou a costa
Eu nunca te deixarei; Eu sou sempre seu

Cada vez que eu ficar em terra
Com areia entre os dedos dos pés
Lembro-me e eu sei que estou sozinho

Estou sozinho; este homem amargo que eu me tornei
Prender a respiração, colocado para descansar
Afogar em minhas lágrimas; não há mais nada de mim
Estou sozinho; o homem irritado em seu trono
Eu não posso fingir, a grande descida
Pegue minha mão até o fim

Há um mundo dentro de mim
Ele vive; isso dói; que mal respira
Lancei meu coração no mar
Se isso significa que ele traz para você mais perto de mim


Dicionário de pronúncia

Ver mais palavras

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Any Given Day

Ver todas as músicas de Any Given Day