The Reason Why I Thought I'd Die

Amazarashi

Original Tradução Original e tradução
The Reason Why I Thought I'd Die

boku ga shinou to omotta no wa
umineko ga sanbashi de naita kara
nami no manimani ukande kieru
kako mo tsuibande tonde ike

boku ga shinou to omotta no wa
tanjoubi ni anzu no hana ga saita kara
sono komorebi de
utatane shitara
mushi no shigai to
tsuchi ni nareru kana

hakka ame gyokou no toudai
sabita aachi kyou suteta jitensha
mokuzou no eki no sutoopu no mae de
doko ni mo tabidatenai kokoro
kyou wa marude kinou mitai da
asu wo kaeru nara kyou wo kaenakya
wakatteru wakatteru keredo

boku ga shinou to omotta no wa
kokoro ga karappo ni natta kara
mitasarenai to naite iru no wa
kitto mitasaretai to negau kara

boku ga shinou to omotta no wa
kutsu himo ga hodoketa kara
musubinaosu no wa nigate nanda yo
hito to no tsunagari mo mata shikari

boku ga shinou to omotta no wa
shounen ga boku wo mitsumete ita kara
beddo no ue de dogeza shiteru yo
ano hi no boku ni gomennasai to

pasokon no usu akari
jyoukai no heya no seikatsuon
intaafon no chaimu no oto
mimi wo fusagu torikago no shounen
mienai teki to tatakatteru
rokujou hitoma no don kihoote
gooru wa douse hidoi mono sa

boku ga shinou to omotta no wa
tsumetai hito to iwareta kara
aisaretai to naite iru no wa
hito no nukumori wo shitte shimatta kara

boku ga shinou to omotta no wa
anata ga kirei ni warau kara
shinu koto bakari kangaete shimau no wa
kitto ikiru koto ni majime sugiru kara

boku ga shinou to omotta no wa
mada anata ni deatte nakatta kara
anata no you na hito ga umareta
sekai wo sukoshi suki ni natta yo
anata no you na hito ga ikiteru
sekai ni sukoshi kitai suru yo

A Razão Pela Qual Pensei Que Iria Morrer

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Porque as gaivotas de cauda negra cantavam nas docas
Entre as ondas do mar elas apareciam e desapareciam
Bicando no meu passado enquanto voavam para longe

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Porque em meu aniversário as flores de damasco floresceram
Se eu cochilar ali embaixo do sol
Filtrado pela folhagem
Junto aos cadáveres de insetos
Me pergunto se me tornarei terra

Bombons de menta, o farol de um porto pesqueiro
Um arco-ponte enferrujado, bicicletas abandonadas
Em frente a uma lareira em uma estação de madeira
Meu coração não sente vontade de ir a lugar algum
O hoje se parece ao ontem
Se eu quiser mudar o amanhã, devo mudar o hoje
Eu sei disso, eu sei disso, mas...

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Porque meu coração se tornou vazio
A razão de eu chorar por estar insatisfeito é
Porque eu quero me sentir satisfeito

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Porque o cadarço dos meus sapatos se soltaram
Não sou bom em conectar as coisas
O mesmo acontece com meus laços com outras pessoas

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Porque aquele menino me encarava
Fiquei de joelhos em frente à cama
E desde esse dia, não deixei de pedir desculpas

Luz fraca do computador
Sons vindos do andar de cima
O toque do telefone soa
Enquanto o menino na gaiola cobre suas orelhas
Lutando contra um inimigo invisível
Dom Quixote está num quarto de seis tatamis
Cujo único objetivo continua sendo algo horrível

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Porque disseram que sou uma pessoa fria
A razão de eu chorar por querer ser amado é
Porque eu tenho que aprender sobre o calor dos outros

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Por causa do seu belo sorriso
A razão de eu pensar em querer morrer é
Porque sou sério demais para continuar a viver

A razão pela qual pensei que iria morrer foi
Porque ainda não havia conhecido você
Este mundo em que pessoas como você nascem
Passei a amá-lo um pouco
Este mundo em que pessoas como você vivem
Passei a ter um pouco de esperança nele

Composição: Amazarashi
Enviada por Jerry e traduzida por Jerry. Revisões por 3 pessoas.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog