A Espera de Um Amor

Alexandre Silva

Uma esperança adormecida
Num esperar de setenta e uma
Um comunicar
pela carta
pelo rádio
via e-mail

Lustres do fim do século XIX
Uma alma viva
en cumpleaños 2004
A espera
de anos, anos, anos... anos, anos, anos
a

Viviane, meu amor te espera
Como um porto e uma nau
partindo...
ou
chegando...

Uma nuvem que passa pela Lua
num leste à correnteza
da'lém mar
Donde chegará???

Um poeta profeta que escreve:
A esperança
Cria a criança
Antes dela aparecer

Ah! mesa de bar vazia
a espera de um conforto
apoio de copo alagado

Teu riso que não esperava obter.


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Alexandre Silva

Ver todas as músicas de Alexandre Silva