Dara Dara

Aláfia

Quem nos deu ou dará
Herdara da arara a cor
Herdara da arara da arapuca a dor
Herdara da ara que dera a bara a tara
Para o parangolé

Quem nos deu o dará
Herdara da Arábia a cara
Herdara da arada da araçada a jóia
Herdara da araçóia a saia

Quem nos deu ou dará
Herdara da aranha a teia
Herdara da aragem de areia a praia
E da aramagem feia
Herdara a margem que a maravilha meia

Quem dera a cada ser o que herdara o cara?
Quem dera a cada cara o que herdara o ser?
Quem dera a cada ser o que herdara o cara?
Quem dera a cada cara o que herdara o ser?

Quem dera a cada ser o que herdara o cara?
Quem dera a cada cara o que herdara o ser?
Quem dera a cada ser o que herdara o cara?
Quem dera a cada cara o que herdara o ser?

Daqui pra lá e afiar
Verso noutro verso
Sentir o gosto e saciar
Com meu coração converso
Meus deus em mim imerso
E com as ruas associar
Agradecer e agraciar
Com forças do universo
Quem me traz é o vento
E o olhar atento da máfia
Das cadeia não detento
Dos corpos de empáfia
Longe du cêis as naifa
E os olhares violento
É do eterno o rebento
Arrebenta Aláfia!


Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Aláfia

Ver todas as músicas de Aláfia