Polaris

Aimer

Original Tradução Original e tradução
Polaris

chinmoku no yonagi ni tadayotta chiisana fune wa
Karadajuu kizu wo seotta tabibito noseta yurikago ni natta

kanashige na sono negao wa mou daremo yosetsukenai soburi
koko ga ima doko ka shirazu ni kita e kita e tada mukau

tsunaida hazu no sono te ga hodoketeiku
kimi wa marude hajime kara aisareru koto ga dekinai mitai da

itsudatte tomadotte kaeru koto mo dekinakunatte
tasukete tte sakenderu dake de todokanakute kanashikute
boku wa hitori da”
sonna koto mou iwasenai

hibi yureru kokoro ni shimikonda yuube no ame ga
kizuato no ue o nagareru kako o keshisaru you ni

tsunaida hazu no roopu wa hodoketeita
fune wa marude hajime kara todomaru koto nante dekinai mitai da

itsu datte tomadotte kaeru koto mo dekinakunatte
mitsukete tte sakebu koe wa mada todokanakute sabishikute
hiza o daite matteiru
boku wa hitori da

itsudatte samayotte sakebu koto mo dekinakunatte
yami no naka o tada tada aruita
sou yatte ikitekita boku wa hitori da
sonna koto mou iwasenai

tsuyogari dake no ketsui ga minamo o mau
sore wa marude hajime kara sora o tobu koto ga dekiru mitai da

itsudatte dare datte kaeru koto ga dekinakunatte
mitsukete tte sakendemiru kedo todokanakute sabishikute
hiza o daite matteiru
minna hitori de

itsudatte samayotte tadoru michi mo nai nami no ue
fune wa susumu tada tadayoinagara
sou yatte ikiteiku ima wa futari de
yukusaki wa shiranai

itsudatte soba ni ite koraekirezu nakidashitatte
yami no naka o kasuka ni terasu yo
sou yatte ikitekita kimi no tame dake no
porarisu ni naritai

Polaris

Numa silenciosa e calma noite, um pequeno barco flutuante
Se tornou o berço de um viajante com cicatrizes por todo o corpo

A dor em seu rosto sonolento está lá para afastar os qualquer um
Enquanto você segue em frente sem rumo, mais e mais ao norte

Pensei termos entrelaçado nossas mãos
Mas a sua está se afastando, como se não pudesse ser amado desde o início

Você está sempre perdido, como se não tivesse uma casa para voltar
Salvem-me!, gritava, esperando pela ajuda de alguém
E ficava triste quando não vinham
Estou sozinho - dizia, mas eu não deixarei você dizer tais coisas

Seu coração hesita a cada dia, enquanto a chuva noturna se infiltra
Correndo pelas suas cicatrizes, lavando todo seu passado

As cordas que achou que estavam presas agora estão se desfazendo
Esse barco era incapaz de permanecer ali desde o inicio

Você está sempre perdido, como se não tivesse uma casa para voltar
Achem-me!, gritava, esperando alguém o encontrar, mas ninguém escuta seus gritos
Abraçando seus joelhos, esperava
Eu estou sozinho

Você está sempre imaginando, já incapaz de sequer gritar
Apenas vagando através da escuridão
Foi assim que sempre vivi, sempre sozinho
Mas eu não deixarei você dizer tais coisas

Sua determinação pra manter uma expressão forte é somente um reflexo na água
Como se, desde o início, você pudesse voar

Você está sempre perdido, como se não tivesse uma casa para voltar
Achem-me!, gritava, esperando alguém o encontrar, mas ninguém escuta seus gritos
Abraçando seus joelhos, esperava
Todos estão sozinhos

Você está sempre imaginando, enquanto acima das ondas
Vagando sem caminho, este barco continua a navegar
É nossa maneira de sobreviver, agora, nenhum de nós dois
Sabe para onde estamos indo

Estarei sempre ao seu lado, mesmo quando você não puder
Segurar suas lágrimas, eu serei a sua luz na escuridão
Você chegou tão longe vivendo dessa maneira
Eu quero ser sua Polaris

Composição: Masahiro Tobinai
Enviada por Júlia e traduzida por Júlia. Legendado por Júlia. Revisão por Ramon.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Aimer

Ver todas as músicas de Aimer