Caminhos Fechados

Agona

Não preciso de sua sepultura
Não quero essa postura
Me odeie pelo que sou
Mas não deseje o que não odiou

Essa relação esta cortada
Essa relação não é uma farsa
Você não tem em que se erguer
Tudo que você quer
É o que te faz descer

Caminhos fechados
A escolha é com vocês

De tempo ao tempo
E odeie o que desejou
De tempo ao tempo
E deseje o que odiou
Não espere o buraco fechar
Dessa vez não posso escavar

Não preciso de sua conclusão
Não quero essa inspiração
Me chame pelo que sou
Mas não deseje o que não chamou

Essa veia esta cortada
Essa veia não é uma farsa
Você não tem em que se erguer
Tudo que você quer
É o que te faz descer

Caminhos fechados
A escolha é com vocês

De tempo ao tempo
E deseje o que odiou
De tempo ao tempo
E odeie o que desejou
Não espere o buraco fechar
Dessa vez não posso escavar

Esse tempo passará
E nada vai mudar
Talvez eu não escute
O que você quer dizer
Talvez você mereça descer

Não espere fechar.

Composição: Ágona
Enviada por Rafael. Revisão por Leonardo.
Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog


Mais músicas de Agona

Ver todas as músicas de Agona